UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/08/2010 - 15h04

Bancos investem mais de R$ 7 bilhões em segurança em 2009

SÃO PAULO – Em 2009, as instituições bancárias investiram cerca de R$ 7,5 bilhões em segurança patrimonial em todo o Brasil.

O montante, segundo revelam dados da Febraban (Federação Brasileira de Bancos), é o dobro do investido no ano 2000 e cinco vezes maior do que o investido na Itália (R$ 1,6 bilhão), onde o número de assaltos a bancos foi seis vezes maior do que o registrado no Brasil em 2009: foram 1.744 contra 430 ocorrências, respectivamente.

Além do investimento em segurança patrimonial, a fim de aumentar a segurança nas instituições, a Febraban também está desenvolvendo outras iniciativas, como a chamada “Conheça seu oficial”, desenvolvida em parceria com a Polícia Militar.

O programa, em vigor no centro da cidade de São Paulo, na região do ABCD e na Baixada Santista visa melhorar o relacionamento entre o comando responsável pelo policiamento da região e os gerentes das agências bancárias, aumentando assim a segurança na área.

Consumidor

Entre os anos 2000 e 2009, os assaltos a bancos diminuíram 77,40% no Brasil, passando de 1.903 ocorrências para 430 no período.

De acordo com a Federação, independentemente das iniciativas tomadas pelos bancos, os consumidores devem sempre adotar alguns procedimentos para evitar problemas. A seguir, algumas dicas:

  • Evite sacar valores elevados e não retire dinheiro em caixas eletrônicos muito isolados, preferindo sempre utilizar os terminais instalados em ambientes internos, como shoppings, lojas de conveniência, postos de gasolinas, entre outros;
  • Procure fazer saques nos horários de maior movimento, como o de expediente bancário. Se isso não for possível, leve uma ou mais pessoas com você;.
  • Nunca deixe o cartão sem assinatura;
  • Não empreste o cartão nem permita que estranhos o examinem sob qualquer pretexto. Pode haver troca sem que você perceba;
  • Ao digitar sua senha, mantenha o corpo próximo à máquina, para evitar que outros possam vê-la ou descobri-la pelo movimento dos dedos no teclado;
  • Caso o cartão seja roubado, perdido ou extraviado, comunique o fato imediatamente à Central de Atendimento do banco e peça o cancelamento. Em caso de assalto, registre a ocorrência na delegacia mais próxima.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host