UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/08/2010 - 11h57

Preços do frete e do produto ainda fazem e-consumidor desistir da compra

SÃO PAULO - Preços do frete e do produto são os principais fatores que fazem os consumidores desistirem de comprar pela internet, de acordo com pesquisa feita pela consultoria e-bit sobre resistência de compra do e-consumidor.
Segundo o levantamento, 90% dos e-consumidores visitaram lojas virtuais em julho, mas não efetuaram compras. Para o diretor geral da e-bit, Pedro Guasti, as pessoas que compraram pela internet visitaram outras empresas antes de tomar a decisão final.
“Muitas vezes, o consumidor pesquisa para ter referências de preços, de características de produtos”, afirma. Guasti explica que considerar que apenas 10% dos consumidores efetuaram compra pela internet em julho não é pouco. “De cada 100 pessoas que pesquisam pela internet, três ou quatro efetuam de fato a compra. É um número de mercado”, reforça.
E o motivo que faz os consumidores desistirem ainda é o preço do próprio produto e do frete. Considerando os consumidores que visitaram sites e decidiram não levar nenhum produto, 62% disseram ter consultado preço e valor de frete, além de ter procurado por promoções e descontos antes.
Processos de compras

Do total de consumidores consultados pela consultoria, 86% disseram que apenas olharam alguns itens e saíram das lojas, não chegando a começar o processo de compra. Outros 7% disseram que começaram o processo para finalizar a compra, mas acabaram não concluindo o procedimento.
Ainda outros 7% chegaram a colocar produtos no carrinho das lojas, mas desistiram de finalizar a compra.
Dentre outros motivos que fazem os consumidores desistirem, ainda estão os medos, como da não entrega do produto e de fornecer os dados do cartão de crédito, e até a falta de difusão de outros meios de pagamentos que poderiam ser mais seguros.
A indecisão sobre o produto que está colocando no carrinho também faz com que os consumidores fechem as janelas das lojas virtuais. A falta de intenção em comprar naquele determinado dia também é motivo para o abandono.
Do total dos entrevistados, 40% disseram que visitam semanalmente as lojas que optaram por não comprar, enquanto que 9% disseram ter entrado no ambiente virtual da loja pela primeira vez.
Sobre a pesquisa

O levantamento foi feito com 5.600 pessoas entre os dias 14 e 16 de julho.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host