UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 17h25

Fundos FGTS Petrobras têm rendimento acumulado de 800% em dez anos, diz CEF

SÃO PAULO – Os fundos mútuos de privatização da Petrobras acumularam rentabilidade de 800% em dez anos de existência. O balanço, divulgado pela CEF (Caixa Econômica Federal) nesta segunda-feira (16) já desconta a taxa de administração e outros custos, exceto impostos.

Para o superintendente nacional de Gestão de Ativos de Terceiros da Caixa, Marcelo de Jesus, o balanço destes dez anos dos Fundos Caixa FMP-FGTS Petrobras é bastante positivo. “Como primeira experiência dos trabalhadores em pulverização de investimento em renda variável, foi bem-sucedida”, declarou.

“O brasileiro, culturalmente, não tinha experiência de fazer investimento nesse segmento. Essa oportunidade demonstrou ter sido uma boa alternativa na diversificação da aplicação do dinheiro do trabalhador”, completou o superintendente.

Rentabilidade

Para comparação, a rentabilidade das ações da Petrobras (PETR 3) foi de 351,55% no período de 17 de agosto de 2000 até o final de julho deste ano. Os fundos FMP Petro renderam entre 850,22% e 896,70%, dependendo da taxa de administração e outras despesas.

Uma aplicação de R$ 3 mil, por exemplo, em ações da Petrobras teria se transformado em R$ 13.546,50 ao longo dos dez anos. Já o mesmo valor aplicado nos fundos FMP Petro teriam somado entre R$ 28.506,60 e R$ 29.901,00, de acordo com os cálculos da CEF.

Entenda

Em agosto de 2000, o governo permitiu que os trabalhadores brasileiros aplicassem até 50% do saldo de suas contas vinculadas do FGTS na compra das ações da Petrobras, que integrava o Programa Nacional de Desestatização.

Mais de 310 mil cotistas do FGTS aderiram à primeira operação de pulverização do mercado acionário, sendo que cerca de 200 mil investidores escolheram os fundos mútuos administrados pela CEF, aplicando mais de R$ 800 milhões em valores da época.

Na ocasião, o preço da ação na Oferta Pública foi de R$ 43,07, mas os cotistas do FGTS foram beneficiados com um desconto de 20%, pagando R$ 34,46 pela ação.

Hospedagem: UOL Host