UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/09/2010 - 10h18

Caixas das agências representam apenas 10% das transações bancárias

SÃO PAULO – Já faz algum tempo que os consumidores começaram a usar os mais diferentes canais de atendimento para realizar seus serviços bancários, em substituição aos caixas tradicionais, nas agências.

Segundo a Febraban (Federação Brasileira de Bancos), atualmente, apenas 10% das operações são feitas nos caixas tradicionais, canal que se tornou o terceiro mais utilizado. Em primeiro lugar, com mais de um terço do total (33,2%), estão os terminais de autoatendimento.

Nos últimos dez anos, o número de caixas eletrônicos existentes no País aumentou em 60%, passando de 108 mil (2000) para 173,4 mil (2009). Quase a metade deles (44%) é adaptada a pessoas com deficiência.

Internet

Com 9,3  bilhões de transações em 2009 (20%), está a internet, segundo canal mais adotado pela população.

“Na comparação com os dados de 2000, o crescimento desse canal é impressionante: 1.229%. Usar o internet banking é fácil, rápido e seguro, desde que o usuário fique atento e observe algumas medidas simples de segurança”, destaca a entidade.

Variações

Depois do internet banking, o tipo de transação bancária que mais cresceu entre 2000 e 2009 foram as operações com cartões, que aumentaram 567%. Em seguida, estão as transações no autoatendimento, que cresceram 139%.

Em menor escala, o atendimento nos caixas das agências aumentou apenas 10%. Já as transações com cheques sofreram queda de 54% no período.

De acordo com a Febraban, apenas no ano passado foram investidos pelos bancos R$ 19,4 bilhões em tecnologia e automação.

Hospedagem: UOL Host