UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/09/2010 - 11h25

Brasil se destaca e lidera ranking que mede progresso de combate à pobreza

SÃO PAULO - Segundo o relatório Who's really fighting hunger? (Quem realmente está combatendo a pobreza?), da organização não governamental ActionAid, pelo segundo ano consecutivo o Brasil lidera o ranking que mede o progresso de países em desenvolvimento na luta contra a pobreza.

Para o resultado, segundo a Agência Brasil, contribuíram as políticas sociais adotadas pelo governo federal, como o Bolsa Família e o Fome Zero.

A ONG considerou o desempenho de 28 países em categorias como presença de fome, apoio à agricultura em pequenas propriedades e proteção social, sendo que a China e o Vietnã ocupam os segundo e terceiro lugares, respectivamente.

Agricultura

Por outro lado, quando o assunto é a adoção de políticas de incentivo à agricultura em pequenas propriedades, o Brasil ocupa a 26ª posição do ranking, ficando à frente apenas da República Democrática do Congo e da Guatemala, que ocupam a 27ª e 28ª posições, nesta ordem.

Neste caso, o problema brasileiro seria a concentração de investimentos no agrobusiness, contribuindo para a concentração de terras nas mãos de um pequeno número de pessoas. Além disso, o relatório chama a atenção para a promoção de biocombustíveis, cuja expansão estaria elevando o preço da terra e transformando plantações em combustível, impactando assim a segurança alimentar.

“O governo brasileiro começou a investir muito mais na agricultura em pequenas propriedades. Entretanto, ainda há um longo caminho para acabar com a fome e reagir às imensas desigualdades históricas que existem entre os pequenos e grandes produtores”, diz o relatório, segundo publicado pela Agência Brasil.

Hospedagem: UOL Host