UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/12/2010 - 09h51

Saldão na Internet começa dia 20, com descontos de até 90%

Infomoney

SÃO PAULO – Aqueles que ainda não compraram os presentes de fim de ano podem esperar um pouco mais se quiserem economizar.

Isso porque o Saldão na Internet Especial de Natal antecipa as promoções para o dia 20 deste mês reunindo as principais redes varejistas do e-commerce que oferecerão produtos com descontos de até 90%.

Ao todo, devem ser movimentados R$ 20 milhões, o dobro do valor movimentado no Natal passado, quando R$ 10 milhões foram comercializados por cerca de 380 mil consumidores.

A partir do dia 20 será possível encontrar ofertas diárias no www.saldaonainternet.com.br e na virada do dia 24 para o dia 25 ocorrerão as grandes promoções. O término do Saldão está previsto para ocorrer entre os dias 10 e 15 de janeiro.

Ofertas

Espera-se que cerca de mil lojas virtuais participem do Saldão ofertando de flores a eletrodomésticos e eletroeletrônicos.

“Os consumidores do Saldão buscam boas oportunidades e os produtos com ofertas mais agressivas são os que mais vendem, sempre”, ressaltou, por meio de nota, o Gerente de Marketing da Braspag, empresa de soluções de pagamentos para e-commerce que criou o Saldão, Rennan Fortes.

Além das ofertas, os consumidores também poderão ganhar prêmios. “Nosso maior propagador será o próprio consumidor, que ganhará pontos por meio das indicações de novos usuários e que consumam no site. Os pontos valerão prêmios ao primeiro colocado”, afirma Fortes.

As informações sobre as ofertas e promoções do Saldão serão divulgadas no site da iniciativa.

E-commerce

O faturamento do comércio online deve superar os R$ 15 bilhões neste ano. Somente neste último trimestre espera-se um faturamento de R$ 3,3 bilhões.

Neste Natal, os consumidores gastarão 40% a mais em compras pela internet, segundo as previsões da camara-e.net (Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico).

“Nas três semanas que antecedem o Natal, o varejo on-line vende o volume equivalente a oito semanas médias e o tíquete médio de 2009 foi R$ 346”, declarou o presidente da camara-e.net, Manuel Matos. Segundo ele, o Natal costuma representar 16% das vendas de todo o ano.

Assim como em 2009, os produtos de informática e eletrônicos devem ser destaque de vendas, seguidos por livros, CDs e DVDs. De acordo com Matos, os e-varejistas já estão se preparando para atender ao crescimento da demanda que ocorre nesta época do ano.

Hospedagem: UOL Host