! Com quase todos índices em queda, Bolsa lusa cai quase 2% - 15/01/2008 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

15/01/2008 - 16h30

Com quase todos índices em queda, Bolsa lusa cai quase 2%

Lisboa, 15 jan (Lusa) - A Bolsa portuguesa fechou em baixa de 1,94%, para 11.893,35 pontos, em sintonia com as congêneres européias, com quase todos os títulos em queda.

Dos 20 papéis que integram o PSI 20, principal índice da Euronext Lisboa, 18 caíram e dois subiram, numa sessão de elevada liquidez. O indicador caiu para um mínimo de quatro meses.

A Europa fechou em forte desvalorização, com as maiores quedas em mais de um mês, acompanhando a tendência de Wall Street e penalizada por resultados de empresas.

Durante o pregão, foram negociadas 79,2 milhões de ações no principal, correspondentes a um volume de negócios de 316,2 milhões de euros (R$ 818,6 milhões).

Sessão

Em Lisboa, a Portugal Telecom (uma das donas da Vivo) subiu 1,32%, para 9,24 euros, limitado uma ainda maior queda do índice. A outra empresa que fechou em alta, a Semapa, avançou 0,74%, para 8,2 euros.

A PT Multimédia perdeu 1,33% para 8,9 euros. As desvalorizações foram lideradas pela Altri, que caiu 6,97%, para 4 euros.

No grupo Sonae, a Sonaecom caiu 6,42%, para 2,77 euros, a Sonae Indústria recuou 4,12%, para 4,89 euros, e a empresa-mãe deslizou 2,24%, para 1,31 euros.

A operadora de rodovias Brisa (acionista da concessionária brasileira CCR) fechou no vermelho, recuando 1,61%, para 9,75 euros.

No setor bancário, o BCP (maior banco luso privado) caiu 1,85%, para 2,66 euros, o BES (que tem o Bradesco como acionista) desceu 2,14%, para 13,28 euros, e o BPI (ligado ao Itaú) recuou 0,67%, para 4,47 euros.

A REN encerrou em queda de 0,31%, para 3,23 euros, a EDP (controladora da Energias do Brasil) recuou 2,67%, para 4,38 euros, e a Galp Energia (parceira da Petrobras) caiu 4,25%, para 15,09 euros.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host