! Queda no preço do caju afeta Guiné-Bissau, diz ministra - 12/05/2009 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

12/05/2009 - 08h22

Queda no preço do caju afeta Guiné-Bissau, diz ministra

Por Luís Andrade de Sá, enviado da Agência Lusa

Dacar, 12 mai (Lusa) - A ministra guineense da Economia, Helena Embalo, afirmou nesta terça-feira que a crise financeira mundial já chegou ao país, resultando na menor venda de caju e na queda em 10% nas remessas de emigrantes.

Os efeitos da crise "já se fazem sentir na Guiné-Bissau, precisamente por ser um Estado frágil com uma economia baseada num só produto, a castanha de caju, que representa quase 90% das exportações", disse a ministra à Agência Lusa, em Dacar, capital do Senegal, à margem da conferência anual do Banco Africano de Desenvolvimento (BAfD).

"A queda do preço do caju nos mercados internacionais afeta a economia do país", disse Embalo, que previu em 10% a quebra no envio de dinheiro pelos emigrantes.

A Guiné-Bissau, um dos países mais pobres do mundo, a braços com nova crise política e, frequentemente apontado como narco-Estado, assinou recentemente um acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) que lhe permite a redução da dívida externa e implementar "reformas estruturais na defesa, segurança, administração pública e finanças públicas".

"O país tem que encontrar uma estratégia de crescimento que pode passar por diversificar a economia", defendeu a ministra.

No último ano, segundo o relatório de 2009 do BAfD, a economia da Guiné-Bissau registrou um crescimento, mas o fato ocorreu antes do assassinato do presidente "Nino" Vieira e do chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas, Tagmé Na Waié.

Em junho ocorrerão novas eleições que, de acordo com a ministra, poderão "permitir o retomar do ciclo constitucional e da normalidade institucional".

E também cumprir as exigências de boa governabilidade que as organizações internacionais fazem a Bissau e que, segundo Embalo, se traduzem no "respeito pela transparência e rigor e no cumprimento das leis e das normas".

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host