! Para presidente luso, desemprego deu 'salto muito grande' - 15/05/2009 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

15/05/2009 - 20h10

Para presidente luso, desemprego deu 'salto muito grande'

Lisboa, 15 mai (Lusa) - O presidente de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, considerou que os números sobre a economia portuguesa, divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística, eram "os esperados", mas admitiu que o desemprego deu "um salto muito grande", talvez por subavaliação do trimestre anterior.

"De acordo com as previsões dos técnicos da Presidência da República, os números correspondem àquilo que era esperado", afirmou Cavaco Silva, em uma conversa informal com os jornalistas no voo de regresso a Lisboa, depois de uma visita de Estado de quatro dias à Turquia.

"Os números do desemprego é que deram um salto muito grande, mas isso pode ficar a dever-se a uma subavaliação do quarto trimestre", disse.

O Instituto Nacional de Estatística divulgou, nesta sexta-feira, que a economia portuguesa recuou 1,5% no primeiro trimestre do ano em relação aos últimos três meses de 2008, com o produto interno bruto (PIB) caindo 3,7% em termos homólogos.

A taxa de desemprego atingiu 8,9% no primeiro trimestre de 2009, o que representa um agravamento diante dos 7,6% do mesmo intervalo de 2008.

Além disso, os índices de desemprego nos três primeiros meses do ano sofreram um aumento de 1,3 pontos percentuais em relação ao valor observado no período homólogo e 1,1 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host