! Cidade lusa planeja rede de energia para carros elétricos - 22/05/2009 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

22/05/2009 - 11h07

Cidade lusa planeja rede de energia para carros elétricos

Guimarães, 22 mai (Lusa) - A prefeitura de Guimarães (norte de Portugal) vai assinar segunda-feira com o governo um contrato de financiamento de uma rede de energia "inteligente" que inclui o recurso a carros elétricos, disse nesta sexta-feira um pesquisador ligado ao projeto.

Segundo António Cunha, do Departamento de Engenharia da Universidade do Minho, o projeto, intitulado Mobi-Guimarães, contempla um investimento inicial de 1,3 milhão de euros, parte dos quais já mereceu a aprovação do Projeto Operacional Temático de Valorização do Território.

O apoio estatal e comunitário, de 993 mil euros, celebrado através de contrato entre o município e a Direção-Geral do Urbanismo do ministério do Ambiente, será canalizado para a concepção, desenvolvimento e aplicação de um modelo de mobilidade sustentável.

A iniciativa envolve a prefeitura de Guimarães, a Universidade do Minho e a empresa DST de Braga, que vão desenvolver uma estação de serviço "inteligente" para 20 veículos elétricos, a qual inclui o recurso a energias renováveis.

Participam ainda a empresa Petrotech, de Guimarães, do Centro para a Excelência e Inovação na Indústria Automóvel (CEIIA) e do Centro de Inovação estatal Inteli.

António Cunha adiantou à Agência Lusa que a estação de abastecimento de energia e os pontos de recarga que serão criados para os 20 automóveis que circularão na cidade vão recorrer a energias renováveis, área em que a DST tem vindo a investir, principalmente através de microeólicas e de painéis fotovoltaicos.

No âmbito do projeto, a DST - Domingos da Silva Teixeira, SA, de Braga, vai desenvolver uma "rede de energia inteligente" para a concepção, desenvolvimento e aplicação de um modelo de mobilidade sustentável.

A DST, que fará um investimento inicial de 400 mil euros, criará uma rede de abastecimento piloto, com nove pontos de carga (três por parque de abastecimento), apoiada numa rede de produção de energia com base em fontes renováveis (fotovoltaicos e/ou aerogeração) e sistema de gestão de carga.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host