! Cavaco Silva quer estreitar relações econômicas com Áustria - 24/07/2009 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

24/07/2009 - 12h29

Cavaco Silva quer estreitar relações econômicas com Áustria

Por Inês Escobar de Lima, da Agência Lusa

Viena, 24 jul (Lusa) ? O presidente português, Aníbal Cavaco Silva, afirmou nesta sexta-feira que gostaria que Portugal fosse visitado por mais turistas austríacos e que as empresas portuguesas e austríacas tivessem mais relações comerciais.

Cavaco Silva encontra-se em Viena, no segundo dia de uma visita oficial à Áustria que termina no domingo.

Num discurso na Câmara Municipal de Viena, o presidente luso considerou que o turismo é uma área onde é possível "fazer mais e melhor" nas relações entre as duas nações.

"Portugal, para os austríacos, incluindo os vienenses, é frequentemente associado a imagens de sol e de praia", disse, acrescentando: "Mas somos, também, um patrimônio que reflete uma história riquíssima, a beleza paisagística multifacetada do nosso interior continental e das nossas ilhas atlânticas e uma sociedade aberta à modernidade".

"Espero que cada vez mais vienenses se sintam estimulados a melhor conhecer este Portugal, e que ali se sintam tão bem como nos sentimos nós nesta magnífica Viena, que tão bem nos tem acolhido", declarou.

Também em termos econômicos o líder português disse esperar um "reforço do relacionamento bilateral", apontando Viena como "uma importante porta de acesso a zonas que interessam, cada vez mais, às empresas portuguesas".

Antes, no final de um encontro com o presidente austríaco, Cavaco Silva já tinha defendido que é possível "fazer mais em termos de expansão de relações económicas" entre Portugal e a Áustria, "reforçar o investimento nos dois países, fazer parcerias tendo em conta terceiros mercados".

Além disso, ele apontou a Áustria como "uma porta" para as empresas portuguesas reforçarem "as relações com os países vizinhos da Europa Central e do Leste Europeu" e Portugal como "uma porta para que os empresários austríacos possam olhar para África ou para a América Latina".

Na mesma ocasião, Cavaco Silva disse que gostaria que Portugal conseguisse "atrair mais visitantes austríacos" e que estes "pudessem conhecer mais a riqueza histórica e a riqueza cultural de Portugal", considerando que "uma visita de um chefe de Estado dá sempre um contributo nesse sentido".

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host