! Bolsa lusa fecha em baixa influenciada por Estados Unidos - 26/08/2009 - Lusa - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

26/08/2009 - 15h20

Bolsa lusa fecha em baixa influenciada por Estados Unidos

Lisboa, 26 ago (Lusa) - O principal índice da bolsa portuguesa, o PSI 20, fechou o pregão desta quinta-feira com queda de 0,11%, para 7.888,83 pontos. As três empresas do Grupo Sonae tiveram as quedas mais acentuadas.

Dos 20 títulos que integram o índice, nove registraram descidas, um manteve-se estável e os dez restantes apresentaram valorização.

A queda do índice norte-americano no setor energético refletiu na bolsa portuguesa, com perda de 0,943% na Galp, chegando a 10,5 euros (R$ 27,67 no câmbio atual). A Portugal Telecom, titulo com maior peso no PSI 20, teve uma correção de 0,587%.

O BCP, outro título com grande peso no índice luso, perdeu 0,88% para 0,901 euros (R$ 2,37), consequência da notícia de que terá de reformular ou vender sua operação nos Estados Unidos, que até agora apresentou perdas.

Além das quedas destas grandes capitalizações, as quedas do Grupo Sonae também afetaram o PSI 20.

A Sonae SGPS perdeu 3,47% e arrastou as ações da Sonae Indústria e da Sonaecom, com descidas de 1,687 % e 1,491%, respectivamente.

Os resultados da Semapa superaram as previsões dos analistas, o que se refletiu na valorização de 0,86% do título.

O BES, que tem tido um desempenho inferior aos pares do setor, figurou esta quarta-feira entre as maiores subidas do PSI 20, subindo 0,751%, para 4,564 euros (R$ 12) e foi entre as cinco maiores a que mais contribuiu para evitar maior queda do índice. As subidas foram lideradas pelas empresa do setor da construção, Mota Engil fechou em alta de 3,528 e Teixeira Duarte, 1,99%.

Na Europa, o dia também foi de perdas, com índices negativos de 0,08% em Londres, 0,33% em Paris e 0,56% em Frankfurt. O Euronext 100 manteve-se praticamente estável, com uma descida residual de menos 0,01%.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host