UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/09/2009 - 15h49

Brasil projeta incubadora luso-brasileira de empresas de TI

Rio de Janeiro, 16 set (Lusa) - O Programa para Promoção da Exportação do Software Brasileiro (Softex) quer criar uma "ligação direta" Rio de Janeiro-Porto para projetos de cooperação de empresas luso-brasileiras de tecnologias de informação (TI).

Alberto Blois, diretor da área internacional da Riosoft, que opera como um agente da Softex, disse à Agência Lusa que a ideia é fomentar a criação de empresas luso-brasileiras e ampliar o mercado de atuação tanto para a América Latina como para a Europa.

"O objetivo é motivar e fomentar o relacionamento entre as empresas de TI portuguesas e brasileiras. Já estamos a traçar planos para criar uma incubadora de empresas web Rio-Porto", adiantou.

Alberto Blois coordenou na última semana o Rio Info 2009, um dos principais eventos dedicados às TI no Brasil, onde cerca de 30 pequenas e médias empresas portuguesas tiveram destaque numa mostra tecnológica.

Projetos

Outro objetivo é criar um calendário comum entre Brasil e Portugal em inovação tecnológica de software.

Blois já anunciou que, antes da próxima edição do Rio Info 2010, realizada anualmente em setembro, será realizado um primeiro evento experimental no Porto, em abril, nos mesmos moldes, com três dias de discussões, encontros e rodadas de negócios.

A grande aposta para 2010, ressaltou, é a incubadora de empresas luso-brasileiras, que deve ter o lançamento oficial já na primeira edição do evento, no Porto.

"A incubadora vai dar assessoria jurídica, administrativa e financeira. Mas queremos ir além e olhar o aspecto da internacionalização", ressaltou, acrescentando que a incubadora terá duas sedes, uma no Rio de Janeiro e outra no Porto.

As seis primeiras empresas incubadas já participarão no salão de inovação do Rio Info 2010.

Nesta última edição do evento de TI, 200 reuniões de negócios foram realizadas, onde participaram mais de 40 empresas brasileiras e outras 40 internacionais, sendo que 31 eram de Portugal.
Hospedagem: UOL Host