UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/09/2009 - 16h32

Portugal reforça aposta em central termelétrica a biomassa

Porto, 24 set (Lusa) - O ministério português da Economia e da Inovação (MEI) lançou a concurso 100MW de potência para centrais termelétricas a partir de biomassa florestal, que representam um investimento superior a 250 milhões de euros.

Segundo o comunicado do MEI, os projetos contratados ou em processo de licitação, que vão criar cerca de 200 postos de trabalho diretos e 1500 indiretos, terão impacto "prioritariamente no interior do país, com benefícios adicionais a nível da gestão florestal e da prevenção de incêndios".

Dos 15 lotes lançados a concurso, oito com 46MW de potência têm os contratos celebrados, outros cinco lotes com 50MW estão em fase final de licitação, tendo apenas dois lotes (um total de 4MW) ficado sem concorrentes.

Segundo fonte ministerial, Belmonte e Sertã, com uma potência total de 5MW, encontram-se já em fase final de instalação, prevendo-se que no último trimestre do ano iniciem a exploração.

A criação de uma rede de centrais termelétricas a biomassa insere-se na prioridade do governo de reforçar a produção de energia a partir de fontes renováveis, que definiu como meta a produção de 45% de energia elétrica a partir de fontes de energia renovável em 2010.
Hospedagem: UOL Host