UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/10/2009 - 13h25

Chinesa ZTE prevê abrir centro de suporte em Portugal

Lisboa, 6 out (Lusa) - A fabricante chinesa ZTE pondera abrir em Portugal um centro de suporte técnico, que criará 100 empregos, mas a decisão depende de um estudo e só será tomada no final do ano, adiantou o presidente da empresa em Portugal.

"Estamos a analisar a criação de um centro de suporte da ZTE no país. Estamos a fazer um estudo, que começou no início do ano para analisar o mercado das telecomunicações em período de recessão e o posicionamento de Portugal, mas só teremos uma decisão no final do ano. Vamos ver", disse Li Wei, durante um encontro com jornalistas.

Segundo o presidente da ZTE Portugal, o centro de suporte dará emprego a 100 pessoas e servirá a Europa Ocidental.

Li Wei divulgou ainda que a ZTE vai "reforçar os investimentos em vários países", sendo Portugal um deles.

O responsável falava no dia em que a TMN e a Microsoft anunciaram o lançamento dos primeiros quatro smartphones Windows Phone, dois dos quais produzidos pela ZTE e os outros dois pela Samsung.

Questionado pelos jornalistas, Li Wei frisou que a ZTE está "aberta" a novas parcerias com empresas portuguesas.

"Queremos definitivamente alargar as parcerias com empresas portuguesas para outros modelos que não os Windows Phone [desenvolvidos em exclusividade para a TMN]. No futuro queremos alargar este negócio", disse.

Para isso, o responsável afirmou que a empresa está "a falar com todos os operadores" que atuam no mercado português, como a ZON, Sonaecom e Vodafone, entre outros, e dos quais já é fornecedora.
Hospedagem: UOL Host