UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

07/10/2009 - 10h54

UE prevê ampliar investimento em energia de baixo carbono

Bruxelas, 7 out (Lusa) - A Comissão Europeia (órgão Executivo da União Europeia) quer investir, até 2020, mais 50 bilhões de euros no desenvolvimento das tecnologias energéticas com baixa emissão de carbono, baseadas em fontes renováveis, dentro da luta contra as mudanças climáticas.

Um comunicado divulgado nesta quarta-feira pelo Executivo da UE informa que o bloco europeu deverá aumentar de 3 bilhões para 8 bilhões de euros o investimento anual em pesquisa de tecnologias energéticas.

Nesta quarta, a Comissão Europeia convidou autoridades públicas, empresas e pesquisadores a unirem esforços para desenvolver, até 2020, as tecnologias necessárias para conter as mudanças no clima, garantir a provisão energética da UE e assegurar a competitividade das economias europeias.

O Executivo da UE quer avançar no Plano Estratégico para as Tecnologias Energéticas (Plano SET, apresentado há dois anos), o pilar tecnológico da política do bloco em matéria de clima e energia.

O desenvolvimento de tecnologias energéticas de baixo carbono - que incluem a captura e armazenamento de dióxido de carbono (CO2) e a energia nuclear ? se insere na luta contra as mudanças climáticas.

Até 2020, pelo menos 20% da energia consumida nos Estados-membros devem ser produzidos a partir de fontes renováveis.

A Comissão Europeia calcula que, para atingir este objetivo, será preciso criar 600 mil novos postos de trabalho na UE e que, dentro de dez anos, o setor das energias renováveis empregará 2,8 milhões de pessoas.

A verba para custear o investimento nesta área deverá vir de "várias fontes de financiamento, provenientes dos setores público e privado, em nível nacional e comunitário", segundo a Comissão Europeia.

A energia de baixo carbono emite menos gases que intensificam o efeito estufa, principalmente o CO2, do que a produzida a partir de fontes fósseis tradicionais, como petróleo, carvão e gás.

Além de serem menos poluentes, há tecnologias energéticas limpas que utilizam fontes renováveis, como o Sol, o vento, a biomassa e a água.
Hospedagem: UOL Host