UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/11/2009 - 16h32

Bolsa de Lisboa segue Europa e fecha com pequena alta

Lisboa, 5 nov (Lusa) - O índice PSI-20, o principal da Bolsa de Lisboa, fechou nesta quinta-feira em alta de 0,49%, aos 8.462,50 pontos, em linha com as principais Bolsas europeias.

Entre os 20 títulos que compõem o indicador, 15 terminaram o dia em alta, quatro em baixa e um - da Sonaecom - permaneceu estável, em um pregão no qual foram negociados 38,4 milhões de ações, somando 117,9 milhões de euros.

As altas foram lideradas pelas ações da Sonae Indústria, que subiram 2,00%, até 2,54 euros, e da Brisa, com expansão de 1,88%, para 7,03 euros.

Já em baixa os destaques foram para os papéis da Galp Energia, que caíram 0,71%, aos 11,75 euros, e para os da Altri, que perderam 0,54%, para 3,82 euros.

Os títulos da Portugal Telecom puxaram em alta o PSI-20, depois de avançarem 1,76%, aos 8,00 euros, impulsionados pelos bons resultados da Vivo, empresa na qual tem participação.

Ainda no setor de telecomunicações, as ações da Zon subiram 1,17%, até 4,30 euros, enquanto os títulos da Sonaecom fecharam estáveis em 1,90 euro.

No segmento financeiro, as ações do BCP (maior banco privado de Portugal) subiram 0,20%, até 0,96 euro, seguidas dos papéis do BES (que tem o Bradesco como acionista), que avançaram 0,63%, para 4,93 euros, e pelos do BPI, que tiveram alta de 0,81%, aos 2,34 euros.

O setor energético impediu uma maior valorização do PSI 20.

A Galp perdeu 0,71%, para 11,75 euros, a EDP caiu 0,32%, até 3,08 euros, e a EDP Renováveis baixou 0,07%, aos 6,74 euros.

Contrariando o sentido desse segmento, a REN avançou 0,06%, para 3 euros.

Fora do PSI-20, destaque para a Corticeira Amorim, que subiu 5,38%, aos 0,98 euro, um dia depois de a empresa anunciar que lucrou 5,7 milhões de euros no terceiro trimestre, uma alta de 60,5% em comparação com os 3,6 milhões de euros registrados no mesmo período de 2008.
Hospedagem: UOL Host