UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/11/2009 - 12h00

Número de dormidas nos hoteis lusos recua 6% em setembro

Lisboa, 16 nov (Lusa) - O número de diárias dormidas na rede hoteleira portuguesa caiu 6% em setembro em comparação ao mesmo mês do ano passado. A queda se deve pela baixa demanda tanto dos residentes como de estrangeiros, indicou nesta segunda-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com os números divulgados, as dormidas na hotelaria atingiram 3,98 milhões, realizadas por 1,34 milhões de hóspedes, menos 3,8% do que o número de pessoas no ano passado.

A queda na atividade hoteleira em Portugal é resultado da continuação da quebra nas visitas dos não residentes, menos 7,5% que em setembro de 2008, e também dos residentes.

Após alguns meses de registros positivos coincidentes com os meses do verão luso, período em que os portugueses tradicionalmente tiram férias, o número de residentes a utilizar os estabelecimentos hoteleiros caiu 2,5% em setembro.

Além disso, a receita total do setor em setembro recuou 10,3% para 195,6 milhões de euros.

A procura pelos estabelecimentos de baixo custo continua a aumentar, com os hotéis baratos se destacando como o único tipo de estabelecimento registrando um crescimento homólogo em termos de dormidas, subindo 13,7%.
Hospedagem: UOL Host