UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

25/09/2009 - 09h58

Desafio Mundial AVP: EUA versus Brasil ao vivo streaming na AVP.com em inglês e português

Equipes confirmadas com alterações para Desafio Mundial LOS ANGELES, 25 de setembro /PRNewswire/ -- O Desafio Mundial AVP: EUA versus Brasil apresentado por Sanderson Ford, será transmitido ao vivo em qualidade HD em inglês e português durante todo o final de semana para proporcionar aos torcedores do mundo todo o acesso   única competição internacional de 2009 da AVP. A avpTV transmitirá ao vivo mais de 10 horas do Desafio Mundial. Para dar aos norte-americanos como também aos brasileiros a possibilidade de assistir   cobertura ao vivo, feeds em inglês e português estarão disponíveis no site AVP.com. Sintonize no sábado para as partidas classificatórias por volta das 20h45min até 2h30min e no domingo, para as disputas de medalhas, por volta das 13h15min até as 18h (Horário de Brasília). Para começar a assistir grátis   avpTV, por favor, visite o site: http://www.avp.com/avpTV/MS-AVP-TV.aspx . Após algumas pequenas reformulações nos elencos de ambos os países, as escalações das equipes estão agora confirmadas. Matt Olson substituiu Sean Rosenthal na única mudança nos EUA e jogará com Jake Gibb que participou dos Jogos Olímpicos de 2008.

O Brasil retirou os medalhistas de pratas olímpicos de 2008, Fabio Luiz Magalhães/Marcio Araujo e os substituiu por João "Billy" Maciel/Bruno Oscar Schmidt. No lado feminino, Shalyn Bede substituiu a irmã mais velha e medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de 2000 e 2004, Shelda que foi parceira de Ana Paula Rodrigues Connelly, a qual atuou nos Jogos Olímpicos de 2004 e 2008. Vanilda Leão/Ângela Vieira também tomaram o lugar das irmãs Maria Clara Salgado Rufino e Carolina Salgado.

Os Estados Unidos serão representados no lado feminino por Nicole Branagh/Elaine Youngs que atuaram nos Jogos Olímpicos de 2008, por Annett Davis/Jenny Johnson Jordan, atletas dos Jogos de 2000, Jen Kessy/April Ross, Campeãs Mundiais da FIVB 2009 e Misty May-Treanor/Kerri Walsh, duas vezes medalhistas de ouro. Será a primeira atuação profissional em mais de um ano para May-Treanor, que perdeu os primeiros 15 eventos da estação enquanto se recuperava de uma lesão no tendão de Aquiles. May-Treanor é a primeira do ranking entre as mulheres com 105 vitórias na carreira. Entre os homens inscritos para jogar pelos Estados Unidos, estão Phil Dalhausser/Todd Rogers, medalhistas de ouro nos Jogos Olímpicos de 2008 e os astros da AVP Gibb/Olson, John Hyden/Sean Scott e Brad Keenan/Nick Lucena.

Mike Dodd, medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de 1996, será o treinador das equipes dos EUA. O Brasil, da mesma forma, traz astros de primeira grandeza a Glendale. Os medalhistas de ouro dos Jogos Olímpicos de 2004 e bronze em 2008, Ricardo Santos/Emanuel Rego serão as principais presenças na equipe masculina, que também tem João/Bruno Oscar, Benjamin Insfran e Pedro Solberg Salgado dos Jogos Olímpicos de 2004 e Harley Marques Silva/Alison Cerutti. Larissa Franca e Juliana Felisberta Silva que estiveram nos Jogos de 2008, Talita Antunes da Rocha e Maria Elisa Antonelli dos jogos de 2008, Ana Paula/Shaylyn e Vanilda/Ângela jogarão pelo time feminino do Brasil. Para maiores informações sobre os atletas do Brasil, visite o site: bvbinfo.com/player.asp . Os atletas internacionais não competiam em solo dos EUA há mais de seis anos. Na última oportunidade, os norte-americanos e brasileiros dominaram o grand slam FIVB de 18-21 de 2003 no Home Depot Center em Carson, Califórnia. May-Treanor e Walsh derrotaram as brasileiras Ana Paula e Sandra Pires Tavares para levarem para casa a medalha de ouro feminina, enquanto os brasileiros Ricardo e Emanuel conquistaram o ouro masculino. Os norte-americanos Mike Whitmarsh e Canyon Ceman terminaram em terceiro. Desta feita, EUA e Brasil lutarão de igual para igual pela soberania no vôlei de praia. A glória mundial e um prêmio Country Challenge de 50.000 dólares estarão em jogo quando as equipes acima iniciarem o torneio classificatório estilo Ryder Cup. Um total de 36 partidas, cada uma contrapondo um time norte-americano e um brasileiro, valendo 48 pontos coletivos decidirão o vencedor do World Challenge. As 32 partidas classificatórias, cada uma valendo um ponto, serão realizadas na sexta-feira e no sábado. As partidas para decidir medalha de bronze valem três pontos cada e as partidas que decidem a medalha de ouro valendo cinco cada uma fecharão os confrontos de domingo. O país com mais pontos no final do evento vencerá o Country Challenge. Caso aconteça empate de 24 a 24, a medalha de ouro masculina servirá como desempate. As disputas de medalha de ouro serão televisionadas nacionalmente pelo Versus Sunday em 4 de outubro  s 15 horas e na segunda-feira, 5 de outubro  s 17 horas (Horário de Nova York). AVP no Facebook, (http://www.facebook.com/home.php) Acompanhe a AVP no Twitter, (https://twitter.com/avpbeach) Visite a AVP no MySpace, (http://www.myspace.com/avptour) Sobre a AVP, Inc.: A AVP, Inc. é uma importante empresa de entretenimento esportivo e estilo de vida orientada   produção, comercialização e distribuição de eventos de vôlei de praia profissional em todo o mundo. A AVP, uma das entidades que mais crescem no mundo esportivo, opera duas das séries de circuitos nacionais mais proeminentes, o AVP Pro Beach Volleyball Tour (1983) e o AVP Hot Winter Nights Indoor Tour (lançado em 2008). A AVP organizará mais de 35 eventos nos Estados Unidos em 2009 e possui mais de 150 dos principais competidores masculinos e femininos no esporte. Os atletas da AVP ganharam a medalha de ouro tanto no masculino quanto no feminino nos Jogos Olímpicos de 2008 em Pequim, marcando a primeira dobradinha de um único país na história do vôlei de praia olímpico. A AVP tem sede em Los Angeles, Califórnia. Para maiores informações, acesse www.avp.com .

FONTE AVP 25/09/2009 CONTATO: Alison Shapiro, Public Relations Manager da AVP Pro Beach Volleyball Tour, +1-310-426-7112, ashapiro@avp.com

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host