UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

03/11/2009 - 09h46

Anuário Estatístico das Cias. Abertas mostra crescimento de receita das empresas

São Paulo, 03 de Novembro de 2009 - A crise financeira mundial revelou um lado positivo para alguns setores da economia brasileira, como as de alimentos, bebidas e roupas, voltadas para o mercado interno. Já as exportadoras, principalmente as de commodities minerais e de celulose, sentiram os efeitos do abalo internacional. A quinta edição do Anuário Estatístico das Companhias Abertas é iniciativa da Associação Brasileira das Cias. Abertas (ABRASCA), em parceria com a GRC Visão, empresa responsável pela análise de dados.

IMPOSTOS - Os dados, dispostos em 162 páginas, mostram que em 2008 as 374 empresas analisadas recolheram R$ 55,2 bilhões em impostos, resultado 11,16% inferior ao de 2007. A participação dessas companhias no Produto Interno Bruto (PIB) foi de 15,69%, percentual ligeiramente acima do ano anterior. O número de empregos diretos gerados pelas companhias abertas em 2008 foi de 1.257.509, com alta de 26,46%. O setor que mais empregou foi o de Bens de Consumo Cíclicos (Alimentos, Bebidas e Fumo), com crescimento de 36,2%, seguido pelo de Infraestrutura (20,4%) e Serviços (18%). O setor de Utilidade Pública (energia elétrica e saneamento) foi o único que registrou queda, 5,2%.

A análise das demonstrações financeiras de 374 companhias apurou a receita liquida dessas empresas, totalizando R$ 1,27 trilhão, com aumento de 21,6% em relação a 2007. O ativo total subiu 48,47% ao somar R$ 4,9 trilhão e o patrimônio liquido registrou alta de 22,85%, ao totalizar R$ 1,02 trilhão. Os indicadores do primeiro semestre de 2009 mostram que o pior da crise já passou e as empresas dão sinais claros de recuperação.

O Anuário foi lançado dia 28 último durante o Prêmio Abrasca Criação de Valor, conquistado pela Ultrapar e que teve como Destaques Setoriais a Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR); Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP); Eternit S.A.; Estácio Participações S.A.; Natura Cosméticos S.A.; Souza Cruz S.A. e Tele Norte Celular (OI).

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host