UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

02/01/2007 - 18h40

Bolsa passa de 45 mil pontos e bate recorde; dólar recua a R$ 2,132

Por Nathália Ferreira

SÃO PAULO, 2 de janeiro (Reuters) - Os mercados brasileiros começaram 2007 com ganhos nesta terça-feira, em meio à perspectiva positiva para os ativos do país. Pela primeira vez, a Bolsa de Valores de São Paulo superou os 45 mil pontos.

Para o analista André Borghesan, a Bolsa deve continuar sendo o melhor investimento em 2007; segundo ele, a Bovespa deve atingir os 48 mil pontos em breve. Assista agora
UOL News
Faltou, porém, o parâmetro das bolsas norte-americanas, fechadas por luto pela morte do ex-presidente dos EUA Gerald Ford, na semana passada.

A aposta de que a bolsa será um investimento atraente neste ano ajudou a impulsionar as ações no primeiro pregão do ano. O Ibovespa fechou no maior patamar histórico, com volume um pouco mais fraco do que a média de 2006.

Entre os destaques do front corportativo, as ações da TIM Participações perderam 1,08%, depois que a Telecom Italia confirmou que a sua unidade de telefonia móvel no Brasil não está à venda, confirmando notícia divulgada na imprensa brasileira.

Já no câmbio, o volume de negócios foi expressivo, perto de US$ 3 bilhões, mas a sessão foi morna, de pouca volatilidade. O dólar fechou o dia em leve baixa, acompanhando o bom desempenho da Bovespa e a perspectiva de contínuo ingresso de recursos no país.

"O mercado continua com a tendência otimista para o Brasil, os fundamentos estão bons", afirmou Flávio Ogoshi, operador de derivativos do Rabobank.

A queda do dólar só não foi mais acentuada porque o Banco Central segue firme na compra da moeda norte-americana, com quatro propostas aceitas no leilão desta terça-feira.

A agenda econômica do dia foi vazia e o destaque ficou para a divulgação de superávit comercial brasileiro recorde em 2006, de US$ 46,077 bilhões.

Na quarta-feira, o foco volta para os Estados Unidos, com divulgação da atividade no setor manufatureiro e da ata da última reunião do Federal Reserve.


Veja como encerraram os principais mercados nesta terça-feira:

CÂMBIO

O dólar terminou a 2,132 reais, com declínio de 0,19%.


BOLSA

A Bovespa encerrou em alta de 2,04%, a 45.382 pontos. O volume financeiro foi de 2,1 bilhões de reais.


JUROS

A maioria de contratos de depósito interfinanceiro (DI) caíram na Bolsa de Mercadorias & Futuros. O DI janeiro de 2008 recuou a 12,31% ao ano.


GLOBAL 40

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subiu para 132,813% do valor de face, oferecendo rendimento de 6,054% ao ano.


TREASURIES DE 10 ANOS

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, subiu e o rendimento cedeu a 4,68%, ante 4,70% no final da sexta-feira.

(Reportagem adicional de Juliana Siqueira)
Mais
Leia outras notícias em UOL Economia

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host