UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

04/01/2007 - 19h07

PANORAMA2-Preocupação com economia dos EUA desanima mercados

Por Nathália Ferreira

SÃO PAULO, 4 de janeiro (Reuters) - A preocupação com a economia dos Estados Unidos norteou o movimento dos mercados nesta quinta-feira. A Bolsa de Valores de São Paulo caiu para perto de 44 mil pontos, enquanto o dólar fechou em alta.

Na véspera, a ata da última reunião do Federal Reserve já havia levantado um alerta sobre os riscos ao crescimento norte-americano e possíveis pressões inflacionárias.

"O mercado passou o dia se ajustando à ata do Fed de ontem que não veio tão otimista e mostrou preocupação com a atividade", comentou o gerente de câmbio de um banco estrangeiro, que não quis ser identificado.

Nesta manhã, o mercado recebeu dados que mostraram desaceleração na atividade do setor de serviços e avanço menor que o previsto nas encomendas à indústria dos Estados Unidos.

"Os dados são mais compatíveis com a idéia de crescimento moderado. O Federal Reserve avaliará se isto condiz com sua política em curso", disse Keith Hembre, economista-chefe da FAF Advisors em Minneapolis.

O receio de que a maior economia mundial possa desacelerar além do previsto deixa os investidores mais cautelosos e evitando ativos considerados mais arriscados, como os de emergentes, principalmente antes de um importante dado de postos de trabalho nos EUA, que sai nesta sexta-feira.

Somou-se a essa preocupação o declínio dos preços de petróleo para os menores níveis desde 2005 em Londres.

Depois de superar os 45 mil pontos na terça-feira, a Bovespa manteve a realização de lucros iniciada na véspera.

No mercado de câmbio, os investidores continuaram na ponta de compra. O Banco Central diminuiu o ritmo de compra da moeda norte-americana e aceitou apenas uma proposta no leilão.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quinta-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar terminou a 2,145 reais, com alta de 0,23 por cento. O volume de negócios no segmento interbancário ficou em 2,12 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

A Bovespa encerrou em baixa de 0,96 por cento, a 44.019 pontos. O volume financeiro foi de 3,45 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros recuou 1,12 por cento, aos 22.246 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria de contratos de depósito interfinanceiro (DI) encerrou em alta na Bolsa de Mercadorias & Futuros. O DI janeiro de 2008 subiu para 12,36 por cento, enquanto o DI janeiro de 2009 foi a 12,27 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia para 133,125 por cento do valor de face, oferecendo rendimento de 6,01 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil subia 5 pontos, para 199 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 174 pontos-básicos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, avançava e o rendimento caía a 4,62 por cento, ante 4,66 por cento no final da quarta-feira.

(Reportagem adicional de Juliana Siqueira)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host