UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

07/02/2007 - 07h58

PANORAMA1-Produtividade se destaca em agenda ainda fraca

Por Juliana Siqueira

SÃO PAULO, 7 de fevereiro (Reuters) - A agenda econômica prossegue relativamente tranquila tanto no Brasil quanto no resto do mundo nesta quarta-feira.

Os dados sobre produtividade nos Estados Unidos e de vendas de veículos no Brasil serão monitorados, mas com pouco potencial de impacto significativo.

Segundo analistas, a produtividade do trabalhador norte-americano deve ter sido forte no fim do último ano, à medida que temperaturas quentes ajudaram a impulsionar a economia.

A previsão é que a produção por hora do norte-americano tenha avançado a uma taxa anual de 1,8 por cento, bem acima do 0,2 por cento do terceiro trimestre, enquanto os custos unitários de trabalho devem ter desacelerado para 2,1 por cento, frente à leitura anterior de 2,3 por cento.

Entre as notícias corporativas, destaque para o lucro da Cisco <CSCO.O>, que subiu 36 por cento e superou estimativas, à medida que o tráfego de Internet aumentou. As ações da fabricante de equipamento para rede, entretanto, caíram 1,1 por cento no pregão eletrônico.

No Brasil, a Gerdau <GGBR4.SA> anuncia o resultado do trimestre antes da abertura do mercado.

"Os dados a serem apresentados pela Gerdau devem mostrar uma estabilidade em relação aos números do terceiro trimestre de 2006", previu a corretora Brascan em relatório.

Outra notícia importante foi a precificação da oferta secundária de ações da Embraer <EMBR3.SA>, em 21,35 reais, o que colocou a operação em pelo menos 1,55 bilhão de reais.

As ações, pressionadas pela notícias da oferta, podem passar por uma recuperação.

Para ler a agenda do dia, clique [nN06205756]

Veja como encerraram os principais mercados na terça-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar terminou a 2,085 reais, com queda de 0,43 por cento. O volume de negócios no segmento interbancário foi de 2,76 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

A Bovespa encerrou em alta de 0,14 por cento, a 45.351 pontos. O volume financeiro foi de 3,67 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros avançou 0,54 por cento, para 23.304 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria de contratos de depósito interfinanceiro (DI) caiu na Bolsa de Mercadorias & Futuros. O DI janeiro de 2008 recuou a 12,29 por cento, enquanto o DI janeiro de 2009 cedeu para 12,15 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia para 132,8 por cento do valor de face, oferecendo rendimento de 6,02 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil recuava 2 pontos, para 180 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 166 pontos-básicos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, subia e o rendimento caía a 4,77 por cento, ante 4,81 por cento no final da segunda-feira.

(Reportagem adicional de Nathália Ferreira)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host