UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

21/02/2007 - 14h58

Argentina concorda em emitir US$1,5 bi em bônus com a Venezuela

CARACAS, 21 de fevereiro (Reuters) - A Venezuela e a Argentina decidiram fazer a segunda emissão do chamado Bônus do Sul, em montante equivalente a 1,5 bilhão de dólares, informou nesta quarta-feira o presidente argentino, Néstor Kirchner, durante uma visita a Hugo Chávez.

A ministra da Economia da Argentina, Felisa Miceli, também disse que o país vendeu 750 milhões de dólares em bônus à Venezuela, que serão incluídos na dívida venezuelana na emissão dos Bônus do Sul, segundo o jornal Clarín.

A emissão conjunta é denominada em dólares, mas pode ser comprada com a moeda venezuelana.

A operação conjunta, já lançada uma vez no ano passado, fortaleceu os laços entre os dois países, à medida que Chávez disponibilizou fartas receitas em petróleo para ajudar a Argentina a ajustar suas finanças.

A Venezuela emitiu Bônus do Sul no valor de 1 bilhão de dólares em novembro, e a demanda chegou a 9 bilhões de dólares.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host