UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

11/04/2007 - 08h30

PANORAMA1-Ata do Fed e leilão de swap reverso concentram atenção

Por Daniela Machado

SÃO PAULO, 11 de abril (Reuters) - A ata da última reunião do Federal Reserve está no radar dos investidores nesta quarta-feira, principalmente depois do otimismo gerado por números fortes sobre o mercado de trabalho norte-americano.

No mercado doméstico, atenção também para o leilão de swap cambial reverso que será feito pelo Banco Central. Na véspera, a expectativa pela operação ajudou o dólar a interromper uma sequência de cinco dias de queda.

Em março, o banco central dos EUA manteve o juro em 5,25 por cento pela sexta vez seguida e repetiu o alerta sobre o risco de inflação, mas retirou de seu comunicado a menção explícita à possibilidade de mais aperto monetário.

Investidores aguardam para conferir se o tom mais brando será mantido. O chairman do Fed, Ben Bernanke, faz uma palestra nesta quarta-feira sobre disciplina dos mercados e há previsão de sessão de perguntas e respostas.

Para os mercados emergentes interessa saber o rumo do juro nos EUA porque isso direciona os fluxos de capital internacional.

No Brasil, o apetite de estrangeiros tem colaborado para a queda do dólar. Apesar de uma alta na sessão de terça-feira, a moeda norte-americana segue perto dos menores níveis desde 2001.

Ainda por aqui, o mercado conhece o IPCA de março. Pesquisa da Reuters junto a 10 instituições financeiras mostrou expectativa de desaceleração da inflação para 0,38 por cento, ante 0,44 por cento em fevereiro.

Para ler a agenda do dia, clique [nN11433214]

Veja como encerraram os principais mercados na terça-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar fechou a 2,028 reais, com alta de 0,15 por cento. O volume de negócios no segmento interbancário foi de 3,7 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

A Bovespa encerrou em alta de 0,68 por cento, a 47.174 pontos. O volume financeiro foi de 3,5 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros avançou 0,78 por cento, aos 24.344 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria das projeções de juros negociadas na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) encerrou em queda. O DI maio de 2007 caiu discretamente, para 12,51 por cento ao ano. Já o DI julho de 2007 fechou em alta, a 12,30 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, apresentava estabilidade, a 134,875 por cento do valor de face, oferecendo rendimento de 5,69 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil avançava 2 pontos, para 158 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 159 pontos-básicos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, subia e o rendimento caía a 4,72 por cento, ante 4,75 por cento no final da segunda-feira.

(Reportagem adicional de Silvio Cascione e Cláudia Pires)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host