UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

12/04/2007 - 08h32

PANORAMA1-Investidor monitora juro da zona do euro e IGP-M

Por Daniela Machado

SÃO PAULO, 12 de abril (Reuters) - A decisão do Banco Central Europeu (BCE) sobre o juro da região, a primeira prévia da inflação pelo IGP-M e mais uma pesquisa sobre o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva recheiam a manhã desta quinta-feira.

Nos Estados Unidos, a agenda de indicadores é mais apagada, um dia após o Federal Reserve recolocar no radar de investidores a possibilidade de um aumento do juro norte-americano.

O BCE anuncia sua decisão às 8h45 (horário de Brasília) e nenhum analista espera aumento da taxa, atualmente em 3,75 por cento, este mês. Mas os investidores ficarão de olho para confirmar que uma mudança em junho é considerada, dados os fortes dados econômicos no mês passado.

Antes da decisão, a agência de estatísticas da zona do euro confirmou a forte expansão econômica da região em 2006, mas a Comissão Européia estima que o ritmo deve ter enfraquecido nos três primeiros meses deste ano.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga uma nova edição da pesquisa CNI-Ibope sobre o desempenho do governo.

Pelo lado da inflação, a Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostrou que o IGP-M abriu o mês em queda. Depois de fechar março em alta de 0,34 por cento, o indicador registrou deflação de 0,16 por cento na primeira leitura de abril [ID:nN12298576].

Para ler a agenda do dia, clique [nN12249757]

Veja como encerraram os principais mercados na quarta-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar fechou a 2,038 reais, com alta de 0,49 por cento. O volume de negócios no segmento interbancário foi de 2,76 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

A Bovespa encerrou em baixa de 0,5 por cento, a 46.939 pontos. O volume financeiro alcançou 4,33 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros recuou 0,86 por cento, aos 24.134 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria dos contratos de depósitos interfinanceiros (DI) na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) subiu no fechamento, após recuar pela manhã. O DI maio de 2007 encerrou em leve baixa, a 12,49 por cento. O DI janeiro de 2008 avançou a 11,90 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, recuava para 134,750 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,70 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil caía 2 pontos, para 156 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 157 pontos-básicos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, cedia e o rendimento subia a 4,74 por cento, ante 4,72 por cento no final da terça-feira.

(Reportagem adicional Silvio Cascione e Cláudia Pires)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host