UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

16/04/2007 - 12h09

VALE sustenta liderança sobre PETROBRAS em negócios com ADRs

RIO DE JANEIRO, 16 de abril (Reuters) - A Companhia Vale do Rio Doce <VALE5.SA> lidera desde fevereiro o volume de negócios com American Depositary Receipts (ADRs) de empresas latino-americanas na Bolsa de Valores de Nova York, segundo levantamento da Economática divulgado nesta segunda-feira.

Com isso, a Vale passou a ocupar o lugar que durante 18 meses foi da também brasileira Petrobras <PETR4.SA>, informou o analista da Economática Einar Rivero em um comunicado.

O volume financeiro médio diário das ações ordinárias da Vale era de 72,3 milhões de dólares em julho de 2005. Em abril deste ano, a cifra era 347,1 milhões de dólares diários, crescimento de 380 por cento.

Já o movimento financeiro médio diário de ADRs da Petrobras ON passou de 91,2 milhões de dólares em julho de 2005 para 285,8 milhões de dólares em abril de 2007, aumento de 213 por cento.

Aqui no Brasil, em março a ação preferencial da Petrobras <PETR4.SA> liderou o volume de negócios na Bovespa, com volume médio diário de aproximadamente 420 milhões de reais, seguida pelos papéis da Vale do Rio Doce <VALE5.SA>, com giro médio diário de cerca de 402 milhões de reais.

De acordo com Rivero, os três ADRs mais negociados na NYSE são Vale, Petrobras e a mexicana América Móvil <AMXL.MX>, que no Brasil controla a empresa de telefonia celular Claro.

A América Móvil registra movimento médio diário de 205,8 milhões de dólares em abril deste ano, um crescimento de 165 por cento em relação a julho de 2005.

Às 12h07 desta segunda-feira, as ações da Petrobras subiam 1,2 por cento no Brasil e os ADRs avançavam 0,7 por cento em NY. Já os papéis da Vale exibiam valorização de 2,4 por cento aqui e 1,7 por cento nos Estados Unidos.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host