UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

23/04/2007 - 08h42

PANORAMA1-Ata do Copom e PIB dos EUA são os destaques da semana

Por Juliana Siqueira

SÃO PAULO, 23 de abril (Reuters) - A semana que se inicia está recheada por indicadores econômicos, mas um dos destaques será a divulgação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central.

Na quarta-feira passada, o placar apertado na definição do corte de 0,25 ponto percentual da taxa Selic deixou no ar a possibilidade de retomada de reduções mais fortes do juro básico brasileiro. E esse indicativo acabou aguçando o apetite dos investidores pela ata.

Nos Estados Unidos, o destaque fica por conta dos dados sobre a taxa de expansão do Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre.

Analistas esperam que a leitura preliminar --que será divulgada na sexta-feira-- fique em 1,8 por cento de crescimento, abaixo dos 2,5 por cento apurada nos últimos três meses de 2006.

O mercado também vai monitorar os dados norte-americanos de confiança do consumidor, do setor imobiliário e o Livro Bege do Fed, para ajudar a medir como anda o vigor da maior economia do mundo. Nesta segunda-feira, será conhecido o índice de atividade nacional do Federal Reserve da Filadélfia.

Já a lista de relatórios no Brasil ao longo da semana conta com balança comercial, o resultado das contas externas e do governo central, entre outros.

Enquanto isso, a agenda de resultados continua intensa, com balanços de empresas como Texas Instruments <TXN.N>, Amazon.com <AMZN.O>, Apple <AAPL.O> e Boeing <BA.N>. No Brasil, saem os números de empresas como Klabin <KLBN4.SA>, Brasil Telecom <BRTP4.SA> e Telemar <TNLP4.SA>.

No início desta segunda-feira, algumas notícias já ganharam destaque. O banco britânico Barclays concordou em comprar o ABN Amro por cerca de 91 bilhões de dólares [ID:nN23198372]. O Carrefour anunciou a compra do Atacadão, por 1,12 bilhão de dólares [ID:nN23258721].

Outro assunto que pode gerar efeitos no mercado nesta segunda-feira foi a decisão tomada na sexta-feira a noite pelo conselho de administração da Telemar (grupo Oi), que aprovou as propostas de oferta para aquisição da totalidade das ações preferencias da Tele Norte Leste e da Telemar Norte Leste.

Para ler a agenda do dia, clique [nN23413628]

Para ver a agenda de resultados, clique [nN20323334]

Veja como encerraram os principais mercados na sexta-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar fechou cotado a 2,027 reais, com recuo de 0,15 por cento. Na mínima do dia, antes do anúncio de leilão de swap reverso, a moeda norte-americana chegou a cair 0,74 por cento.

BOLSA <.BVSP>

A Bovespa encerrou com alta de 1,32 por cento, a 49.408 pontos. O volume financeiro foi de 3,84 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros avançou 1,4 por cento, para 25.358 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria das projeções de juros caiu na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F). O contrato de depósito interfinanceiro (DI) janeiro de 2008 recuou para 11,56 por cento, enquanto o janeiro de 2009 cedeu a 10,98 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia levemente, para 136,125 por cento do valor de face no final da tarde, e oferecia rendimento de 5,52 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil caía 3 pontos, para 145 pontos-básicos, depois de cair para a nova mínima histórica, de 143 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 157 pontos-básicos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

Os títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, recuava levemente e o rendimento subia para 4,68 por cento, ante 4,67 por cento no final da quinta-feira.

(Reportagem adicional de Angela Bittencourt e Silvio Cascione)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host