UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

18/07/2007 - 18h12

Ofertas públicas sobem 26 pct no 1o semestre, a R$41 bi--Anbid

SÃO PAULO, 18 de julho (Reuters) - As ofertas públicas no mercado de capitais brasileiro subiram 26 por cento no primeiro semestre, atingindo um nível esperado apenas para o final do ano, segundo a Associação Nacional dos Bancos de Investimentos (Anbid).

As operações alcançaram a cifra recorde de 40,7 bilhões de reais nos primeiros seis meses do ano, ante 32,4 bilhões de reais do mesmo período de 2006. Levando em conta os dados do ano até 16 de julho, as ofertas públicas somam 47 bilhões de reais, com destaque para os setores de construção civil e imobiliário.

"O resultado reflete perspectiva de 'investment grade' e o crescente interesse dos investidores estrangeiros pelo país", apontou a Anbid em comunicado.

Foram registradas 37 ofertas de ações, sendo 31 de novas empresas (IPOs), 16 ofertas de debêntures e 13 de notas promissórias.

O mercado de renda variável ficou com 66 por cento do volume das ofertas do primeiro semestre, enquanto o de renda fixa de títulos corporativos representou 34 por cento das emissões domésticas no período, queda de 19 por cento em relação ao mesmo período de 2006.

Segundo a Anbid, a participação de investimento estrangeiro nas ofertas foi de 67 por cento do volume registrado no primeiro semestre. Dessa parcela, 63 por cento são de origem norte-americana e 37 por cento de origem européia.

No mercado internacional, as captações de longo prazo registraram no primeiro semestre de 2007 o equivalente a 7,2 bilhões de dólares, 7 por cento superior ao volume registrado em igual período de 2006.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host