UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

24/07/2007 - 08h30

PANORAMA1-Agenda segue fraca e mercado olha balanços

Por Juliana Siqueira

SÃO PAULO, 24 de julho (Reuters) - A terça-feira conta com poucos indicadores econômicos e investidores vão continuar com o foco em balanços, em especial nos dos Estados Unidos.

Entre os resultados mais importantes desta sessão estão Amazon.com <AMZN.O>, Eli Lilly <LLY.N> e McDonald's <MCD.N.

Na noite da véspera, a Texas Instruments <TXN.N> informou que queda do lucro e na receita, fazendo suas ações caírem 3 por cento no pregão eletrônico. A empresa também disse que a receita do terceiro trimestre pode ficar abaixo da estimativa média de analistas.

Outra notícia que deve ganhar destaque é a de que a família Bancroft, que controla a Dow Jones, afirmou no fim da segunda-feira que teve uma reunião "produtiva" sobre a oferta da News Corp.

No mercado acionário, destaque para o leilão de aquisição de ações da Telemar operadora <TMAR5.SA>. O da Telemar <TNLP4.SA>, inicialmente previstos para esta terça-feira, foi adiado para 14 de agosto.

Esta semana é bem mais tranquila em termos de dados econômicos, e os eventos mais relevantes concentram-se mais para o fim da semana, como PIB, Livro Bege e dados de moradia nos EUA. No Brasil, o destaque é a ata do Copom.

Na mais recente pesquisa feita pela Reuters, na semana passada, a maioria dos dealers primários esperava consultados pela Reuters previa que o Federal Reserve manterá o juro inalterado até 2008.

As notícias sobre o crédito imobiliário de risco saíram de cena nos últimos dias, mas continuam sendo monitoradas.

"Ninguém sabe ao certo o tamanho do problema, o que deve mantê-lo como importante fator de risco para o desempenho da economia como um todo", afirmou Elson Teles, economista-chefe da corretora Concórdia.

Para ler a agenda do dia, clique [nN23332978]

Veja como encerraram os principais mercados na segunda-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar terminou a 1,843 real, em baixa de 0,81 por cento. O volume no segmento interbancário foi de 2,66 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

O Ibovespa subiu 1,03 por cento, a 58.036 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 4,6 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em alta de 2,25 por cento, aos 32.308 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria dos contratos de depósito interfinanceiro (DI) subiu na Bolsa de Mercadorias & Futuros. O DI janeiro de 2009 foi a 10,74 por cento, enquanto o DI janeiro de 2010 encerrou a 10,77 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, caiu para 131,125 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 6,06 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil avançava 2 pontos, para 169 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 183 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones <.DJI> elevou-se em 0,67 por cento, para 13.943 pontos. O Nasdaq <.IXIC> valorizou-se em 0,11 por cento, a 2.690 pontos. O índice S&P 500 <.SPX> ganhou 0,49 por cento, para 1.541 pontos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, recuava e o rendimento subia a 4,96 por cento no final da tarde.

(Reportagem adicional de Silvio Cascione)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host