UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

09/08/2007 - 14h41

Custo de seguro para dívida de bancos de investimento avança

NOVA YORK, 9 de agosto (Reuters) - O custo de seguro para a dívida do Bear Stearns <BSC.N>, bem como de outras corretoras, bancos de investimentos e da fornecedora de hipotecas Countrywide <CFC.N>, subiu nesta quinta-feira com a renovação das preocupações sobre o setor nos Estados Unidos.

Os índices de referência de derivativos de crédito, conhecidos como séries CDX, também avançaram.

"A maioria dos ativos de risco está sofrendo: as ações estão caindo, os spreads entre corretora e negociadores estão maiores, e todo o complexo CDX está em movimento de venda", disse Edward Marrinan, do JP Morgan, em Nova York.

"Essa fraqueza ficou evidente logo no começo da manhã, depois do anúncio do BNP Paribas sobre o impedimento dos resgates de alguns fundos de investimento."

O maior banco francês de capital aberto congelou 2,2 bilhões de dólares em fundos, citando os problemas com o mercado de hipotecas de alto risco nos EUA.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host