UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/03/2008 - 17h49

PANORAMA2-Bolsas vêem surpresa positiva na volta do feriado

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 24 de março (Reuters) - A venda de moradias usadas nos Estados Unidos surpreendeu positivamente o mercado e deu combustível para mais uma rodada de valorização das bolsas nesta segunda-feira.

Apesar da queda recorde nos preços das casas, o ritmo de vendas de moradias usadas aumentou em fevereiro para uma taxa anualizada de 5,03 milhões de unidades, surpreendendo a maior parte dos analistas.

"Simplesmente por não ter sido uma queda, isso representa alguma coisa de positivo para o mercado imobiliário dos Estados Unidos. É muito cedo para dizer que o mercado de moradias tenha atingido o pior momento", disse Brian Dolan, estrategista de câmbio da Forex.com, em Bedminster, Nova Jersey.

As bolsas em Nova York subiram mais de 1 por cento, com destaque para a Nasdaq <.IXIC>, que avançou cerca de 3 por cento. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) teve alta de 1,4 por cento e se aproximou dos 60 mil pontos.

O acordo entre o Bear Stearns <BSC.N> e o JPMorgan <JPM.N> também trouxe alento para os negócios. O JPMorgan elevou em aproximadamente cinco vezes a oferta de compra do tradicional banco de investimentos, para cerca de 10 dólares por ação.

Veja como encerraram os principais mercados nesta segunda-feira:

CÂMBIO <BRBY>

O dólar terminou a 1,747 real, em alta de 0,81 por cento. O volume no segmento interbancário foi de 3,775 bilhões de dólares.

BOLSA <.BVSP>

O Ibovespa subiu 1,4 por cento, a 59.812 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 4,84 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS <.BR20>

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em alta de 1,3 por cento, aos 34.570 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria dos contratos de depósito interfinanceiro (DI) fechou em alta na BM&F. O DI janeiro de 2009 ficou estável a 12,21 por cento, enquanto o DI janeiro de 2010 subiu a 13,20 por cento.

GLOBAL 40 <BRAGLB40=RR>

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia para 133,5 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,43 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS <11EMJ>

No final da tarde, o risco Brasil caía 20 pontos, 271 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 292 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones <.DJI> avançou 1,52 por cento, a 12.548 pontos. O Nasdaq <.IXIC> ganhou 3,04 por cento, para 2.326 pontos. O índice S&P 500 <.SPX> subiu 1,53 por cento, aos 1.349 pontos.

TREASURIES DE 10 ANOS <US10YT=RR>

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, caía e o rendimento avançava para 3,56 por cento no final da tarde.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de notícias da Reuters pelo código PAN/SA)

(Reportagem adicional de Aluísio Alves; Edição de Vanessa Stelzer)

Hospedagem: UOL Host