UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/05/2008 - 11h02

JURO-IPC em alta e dúvida sobre câmbio elevam projeções

SÃO PAULO, 6 de maio (Reuters) - A continuidade da divulgação de dados de inflação em aceleração e as especulações acerca de medidas para conter a valorização do real pressionavam as projeções de juros de curto prazo para cima na abertura do pregão desta terça-feira, apesar do ligeiro desaquecimento da atividade industrial.

Algumas das projeções mais longas, porém, continuavam reagindo ao grau de investimento obtido pelo Brasil na semana passada e caíam.

O contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) janeiro de 2010 --o mais negociado-- subia de 13,68 por cento no fechamento da véspera para 13,78 por cento. O DI janeiro de 2009 avançava de 12,80 para 12,82 por cento.

"Tem a inflação e tem essa dúvida sobre o controle nos capitais, que o governo não está desmetindo de uma maneira muito contundente", disse Silvio Campos Neto, economista-chefe do Banco Schahin.

Nesta manhã, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) informou que seu Índice de Preço ao Consumidor (IPC) de São Paulo subiu 0,54 por cento em abril, acima da alta de 0,31 por cento de março.

Na véspera, em entrevista à Reuters, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse que "o governo não está neste momento estudando nenhuma medida de elevação do IOF" a estrangeiros após a obtenção do grau de investimento que pode gerar uma maior entrada de recursos no país.

Esse movimento, concedido pela agência de rating Standard & Poor's, continuava patrocinando a queda das projeções mais longas, como o DI abril de 2012, que recuava de 13,82 por cento na véspera para 13,47 por cento.

Nesta manhã também foram divulgados dados sobre a produção industrial brasileira, que recuperou-se em março após uma queda no mês anterior, mas em ritmo inferior ao esperado pelo mercado e encerrando o primeiro trimestre com taxa menor que a do quarto trimestre.

(Por Vanessa Stelzer; Reportagem adicional de Isabel Versiani; Edição de Alexandre Caverni)

Hospedagem: UOL Host