UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

29/05/2008 - 15h50

REPERCUSSÃO-Fitch é 2a grande a dar grau de investimento ao país

SÃO PAULO, 29 de maio (Reuters) - A agência de classificação de risco Fitch elevou o Brasil nesta quinta-feira à faixa de grau de investimento, tornando-se a segunda entre as três maiores do setor a tomar essa decisão.

A seguir comentários de analistas.

VLADIMIR CARAMASCHI, ECONOMISTA-CHEFE, FATOR CORRETORA:

"Tem dois aspectos positivos, um deles é simplesmente a questão de confirmar o grau de investimento. Mas o mais importante é que muitos investidores institucionais precisam que duas agências confirmem isso. Nesse sentido, tem efeitos práticos com mais entrada (de recursos).

Para decisões de Selic de curto prazo isso é irrelevante. No médio e longo prazos, isso pode derrubar o juro real de equilíbrio."

ÁLVARO BANDEIRA, DIRETOR, CORRETORA ÁGORA:

"O mercado já estava ajustado um pouco em cima (dessa possibilidade), nas últimas sessões a Bovespa já vinha precificando isso e ontem já teve uma forte especulação.

Mas volto a dizer o que falei da S&P: muito bom no médio e longo prazos, mas no curto prazo pode acontecer como agora, de o mercado cair... Se imaginávamos que, com uma nota já haveria um granda fluxo, a segunda nota só tende a reforçar."

(Por Daniela Machado e Rodolfo Barbosa; 5511 5644-7732))

Hospedagem: UOL Host