UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

04/09/2008 - 16h16

JURO-Pessimismo global continua e projeções têm forte avanço

SÃO PAULO, 4 de setembro (Reuters) - As projeções de juros acompanharam o derretimento dos mercados internacionais e encerraram a quinta-feira com fortes altas. Se o estresse se mantiver, o aspecto externo poderá ditar o tom do mercado também na sexta-feira, segundo analistas, inclusive apagando o efeito positivo que a divulgação do IPCA deverá trazer.

O contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) <0#2DIJ:>janeiro de 2010 subiu de 14,64 por cento ao ano na véspera para 14,82 por cento. O DI janeiro de 2012 avançou de 13,95 para 14,29 por cento e o DI janeiro de 2009 aumentou de 13,88 para 13,92 por cento.

"Os mercados estão nervosíssimos. No decorrer do dia os mercados lá fora pioraram e os juros foram junto. Amanhã é sexta-feira, quase final de semana, então ninguém quer ficar com posição montada nos juros em meio a esse nervosismo", disse o consultor de investimentos de uma corretora que preferiu não se identificar.

Wall Street caía cerca de 3 por cento, a Bovespa chegou a despencar mais de 4 por cento e o dólar subia mais de 2 por cento. O cenário deteriorou-se após dados ruins do mercado de trabalho norte-americano, que somaram-se às já existentes preocupações sobre a saúde da economia mundial.

A sexta-feira trará o indicador mais esperado da semana: o IPCA de agosto e a previsão é de desaceleração da inflação pelo terceiro mês seguido, para 0,31 por cento, ante 0,53 por cento em julho. Veja pesquisa completa em [ID:nN02388481]

"Dependendo de como é que for lá fora, a gente pode nem ver impacto (nos mercados) desse IPCA mais baixo", acrescentou o consultor. "O dia amanhã vai depender de lá de fora."

TÍTULOS PÚBLICOS

Em leilão nesta quinta-feira, o Tesouro Nacional vendeu 1 milhão de LTN com vencimento em abril de 2009, com taxa máxima de 14,36 por cento, e 100 mil LTN para julho de 2010, a 14,62 por cento.

Entre as LFT, saíram 300 mil com vencimento em setembro de 2014, sem deságio em relação ao valor de face. O lote de LFT com vencimento em setembro de 2012 não teve nenhum contrato vendido.

No mercado aberto, o Banco Central recolheu 39,354 bilhões de reais dos bancos, por um dia, a 12,93 por cento ao ano.

(Edição de Alberto Alerigi Jr.)

Hospedagem: UOL Host