! Infraestrutura é empecilho para ambições do Brasil--CNI - 23/09/2009 - Reuters - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

23/09/2009 - 17h11

Infraestrutura é empecilho para ambições do Brasil--CNI

Por Peter Murphy

BELO HORIZONTE (Reuters) - O investimento insuficiente nos transportes e os riscos do setor de energia que deixam a infraestrutura brasileira incapaz de lidar quando há um crescimento maior colocam pressão adicional sobre as instalações do país.

O vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), José Mascarenhas, disse que as empresas têm poucas alternativas à malha rodoviária em situação precária e têm de aturar portos ineficientes e preços exagerados da energia elétrica.

As empresas reclamam com frequência do baixo investimento em obras públicas e, à medida que o Brasil tenta resgatar o ritmo de antes de a crise global interromper seu forte crescimento, a questão vai se tornar mais premente.

"Nosso desafio é de que precisamos resolver o problema (dos transportes) por causa da expansão da produção", disse Mascarenhas numa apresentação esta semana do congresso de mineração Exposibram, em Minas Gerais.

"O problema vai apenas se agravar se não encontrarmos uma solução", afirmou ele, acrescentando que o investimento brasileiro em infraestrutura precisa mais do que dobrar. Atualmente ele está em 2 por cento do PIB, disse ele.

Ele afirmou que os problemas nos portos brasileiros, que viram o ritmo de transferência de contêineres mais do que dobrar desde 2001, chegaram a um ponto onde investidores privados precisam também participar, em vez de apenas o dinheiro do governo.

O tráfego de contêineres poderia quase que dobrar de novo entre agora e 2013, afirmou ele, citando dados da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

"Deveríamos prestar mais atenção a nossos portos e à eficiência deles, porque é a partir de lá que saem as nossas exportações e os dólares entram", afirmou ele.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host