! Petrobras nega existência de proposta formal sobre Quattor - 05/10/2009 - Reuters - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

05/10/2009 - 16h28

Petrobras nega existência de proposta formal sobre Quattor

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras não recebeu nem fez qualquer proposta sobre a sua participação na petroquímica Quattor, criada há pouco mais de um ano pela estatal e a Unipar, informou nesta segunda-feira o diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa.

Segundo rumores de mercado, a Braskem e a Petrobras estariam costurando a entrada da principal concorrente da Quattor no capital da companhia.

Admitindo que "conversa sempre existe para qualquer negócio", mas negando que já exista uma proposta final, Costa explicou que a empresa está presente na Quattor, com 40 por cento de participação, e também na Braskem, com 30 por cento, mas que não está negociando nenhum acordo.

"Só sei o que li pelos jornais, mas de concreto, concreto, não tem nada...não existe proposta da Petrobras na mesa", afirmou a jornalistas. "No momento, não existe proposta da Petrobras, dos outros eu não sei", complementou.

A Quattor é uma das empresas que estão negociando com a Petrobras participação no Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), obra de 8,5 bilhões de dólares que prevê a produção de diesel, GLP e produtos petroquímicos básicos (eteno, propeno) na primeira fase, e de segunda geração (polietileno, polipropileno) numa próxima etapa.

De acordo com Costa, as conversas para formar as parcerias visando a segunda geração petroquímica estão em curso, "mas não têm pressa de serem concluídas".

O Comperj vai ter capacidade para processar 150 mil barris diários do pesado petróleo nacional a partir de 2012. A segunda geração está prevista para começar em 2014.

(Por Denise Luna; Edição de Stella Fontes)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host