UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

08/10/2009 - 18h19

REEDIÇÃO-Lucro da Alcoa alimenta otimismo e Wall Street avança

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores norte-americanas encerraram em alta nesta quinta-feira, depois que surpreendentes resultados trimestrais da Alcoa sugeriram que o início da temporada de balanços do terceiro trimestre deve ser forte.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 0,63 por cento, para 9.786 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,64 por cento, para 2.123 pontos. O Standard & Poor's 500 ganhou 0,75 por cento, a 1.065 pontos.

As ações da Alcoa ganharam 1,1 por cento, um dia após a componente do Dow Jones divulgar seu primeiro lucro após três trimestres consecutivos de perdas, por redução de custos e preços mais altos do alumínio.

O índice S&P para o segmento de matérias-primas subiu 2 por cento.

O rali perdeu parte do fôlego à tarde, à medida que o último leilão de títulos do Tesouro dos EUA desta semana teve uma recepção fraca após duas bem sucedidas vendas de Treasuries, estimulando alguns investidores a diminuir as compras de ativos norte-americanos.

Somando-se ao tom positivo, as varejistas do país anunciaram fortes números de vendas, enquanto o Departamento de Trabalho informou que o número de trabalhadores que deu entrada em novos pedidos de auxílio-desemprego caiu na semana passada ao menor nível em nove meses.

"Houve notícias econômicas positivas, e os números da Alcoa vieram melhores que o esperado tanto na receita quanto no lucro. Isso dá credibilidade às teses otimistas de que a economia está ganhando fôlego", disse o diretor-geral da Zephyr Management, Jim Awad, em Nova York.

As varejistas norte-americanas anunciaram o primeiro crescimento mensal nas vendas em mais de um ano, sugerindo que os consumidores, grupo fortemente abatido pela recessão, podem estar recuperando a capacidade e a vontade de gastar novamente.

Os papéis de redes de lojas avançaram, com Macy's em alta de 5,1 por cento, ao passo que Abercrombie & Fitch cresceu 5,5 por cento. As ações da Kohl's avançaram 2,4 por cento. O índice Standard & Poor's para o setor varejista ganhou 1,8 por cento.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host