UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/10/2009 - 09h31

Petróleo atinge máxima de 2009, ouro bate recorde

LONDRES (Reuters) - O petróleo apresentou alta pelo quinto dia seguido na quarta-feira, atingindo a máxima de 2009 acima de 75 dólares o barril, sustentado pelo dólar fraco e pelo otimismo com uma recuperação econômica global que levará a uma maior demanda energética.

O dólar fraco, que atingiu o menor nível em mais de um ano contra uma cesta de outras moedas, também impulsionou o ouro, que atingiu o recorde de 1.070,40 dólares a onça.

A fraqueza do dólar torna o petróleo e o ouro mais atrativos para aqueles que não negociam com a moeda norte-americana.

"Existe muito sentimento positivo no momento, mas isso é amplamente provocado pelo dólar mais fraco", disse Mark Pervan, estrategista sênior de commodities do ANZ Bank em Melbourne.

"Se o rali é sustentável depende de uma maior fraqueza do dólar. Se houver, podemos avançar na direção do espaço entre 75 e 80 dólares, mas 75 dólares será um nível de resistência importante".

Por volta das 9h25, o petróleo negociado em Nova York avançava 0,55 dólar, para 74,70 dólares o barril, depois de ter atingido mais cedo 75,17 dólares o nível mais alto neste ano. Já o Brent negociado em Londres ganhava 0,40 dólar, para 72,80 dólares o barril.

Já o ouro spot era cotado a 1.061.10 dólares a onça, apresentando um recuo mais tarde no pregão, e analistas especulam que ele pode estar em vias de entrar em um período de consolidação após atingir uma série de máximas em sessões recentes.

(Por Alex Lawler)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host