UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/11/2009 - 15h13

Índice europeu recua por dados dos EUA; telecom pesa

FRANKFURT (Reuters) - O principal índice de ações da Europa encerrou em queda pela segunda sessão seguida nesta quarta-feira, à medida que ganhos em papéis de mineradoras não conseguiram contrabalançar fracos dados macroeconômicos dos Estados Unidos que mostraram um inesperado recuo no início de construção em outubro.

O FTSEurofirst 300, que mede o desempenho das mais importantes ações do continente, caiu 0,18 por cento, a 1.028 pontos, após renovar a máxima em 13 meses no início dos negócios.

O índice, que despencou 45 por cento no ano passado, acumula até agora valorização de 24 por cento em 2009 e de 59 por cento desde que tocou a mínima recorde em março.

O Departamento de Comércio norte-americano informou que o início de construção caiu quase 11 por cento, a uma taxa anualizada com ajuste sazonal de 529 mil unidades, menor nível desde abril.

"Os alvarás de construção nos Estados Unidos vieram mais fracos que o esperado, mas o impacto não foi tão ruim quanto poderia ter sido", disse Joerg Rahn, vice-presidente de investimento do fundo Marcard, Stein & Co.

"Contudo, de maneira geral, é verdadeiramente notável a indiferença do mercado no momento. Não importa se números macroeconômicos são bons ou não, parece que de algum modo eles são ignorados", acrescentou.

Papéis de companhias de telecomunicação móvel foram os que mais tiraram pontos do índice. O índice voltado a esse segmento no continente europeu DJ STOXX exibiu baixa de 0,8 por cento, com Vodafone, Cable & Wireless e Deutsche Telekom perdendo entre 0,6 e 3,4 por cento. A Vodafone também negociou dividendos antigos.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou com oscilação negativa de 0,07 por cento, a 5.342 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,16 por cento, para 5.787 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 teve leve queda de 0,02 por cento, a 3.828 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,2 por cento, para 23.334 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 avançou 0,63 por cento, a 12.034 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,32 por cento, para 8.545 pontos.

(Por Christoph Steitz)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host