UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/01/2010 - 19h04

Vale conversa com italiana ENI sobre parceria no bloco BM-S-4

SÃO PAULO (Reuters) - A Vale informou nesta segunda-feira que está mantendo reuniões com a petrolífera italiana ENI para analisar os resultados de perfurações no poço Belmonte 3 para decidir sobre o destino que dará à parceria.

A mineradora também informou, em nota, que nas próximas semanas será concluída e divulgada a auditoria nas reservas de óleo e gás no portfólio de negócios da companhia.

Em relação ao poço Belmonte 3, no bloco BM-S-4, a Vale disse que atingiu reservatórios com gás, conforme previsto. A ENI é a operadora do bloco.

Conforme a Vale, a decisão de manter o bloco BM-S-4 em seu portfólio ou devolvê-lo, quando tomada, será comunicada à Agência Nacional de Petróleo (ANP), como previsto no contrato de concessão até março deste ano.

A Vale adquiriu da ENI uma participação de 50 por cento no bloco BM-S-4 em junho de 2008, com o compromisso de arcar com parte do custo do poço Belmonte 3.

Ao todo, a mineradora tem participação acionária em 29 blocos de exploração de óleo e gás. A empresa informou ter participado da perfuração de cinco poços no ano passado, com duas descobertas na bacia de Santos.

"Trata-se de uma taxa de sucesso anual de 40 por cento, bastante superior à média internacional da indústria. No entanto, ainda é prematuro falar em resultados definitivos do ponto de vista de sua viabilidade econômico-financeira", ressalvou a companhia.

A Vale também enfatizou que "a devolução de áreas de exploração é um acontecimento perfeitamente normal no cotidiano de uma empresa de exploração e produção de hidrocarbonetos", já que se trata de uma atividade de risco.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host