UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

09/02/2010 - 09h37

Lucro do Itaú Unibanco dispara 71,7% no 4º trimestre, para R$ 3,2 bilhões

SÃO PAULO, 9 de fevereiro (Reuters) - O Itaú Unibanco fechou o quarto trimestre de 2009 com lucro líquido de R$ 3,213 bilhões, o que representa um avanço de 71,7% em relação aos R$ 1,871 bilhão em igual período de um ano antes.

Em bases recorrentes, o lucro do período foi de R$ 2,813 bilhões. Analistas consultados pela Reuters esperavam, em média, lucro líquido recorrente de R$ 2,737 bilhões. Considerando todo o ano de 2009, o ganho líquido da controladora do maior banco privado do país atingiu R$ 10,067 bilhões, praticamente em linha com os R$ 10,004 bilhões em 2008.

 

Após empacar por três trimestres consecutivos, a carteira de crédito da instituição voltou a crescer, atingindo R$ 278,4 bilhões no final de dezembro, montante que representa um crescimento de 2,4% em doze meses. Por segmentos, os financiamentos ao consumo evoluíram 10,4% no período, enquanto a de empresas encolheu 2,3%.

Depois de ter atingido o pico de 5,9% em setembro, o índice de inadimplência, medido pelo total de operações vencidas com prazo superior a 90 dias, recuou para 5,6% da carteira. Em dezembro de 2008, esse índice era de 3,9%.

Por isso, as despesas com provisão para perdas diminuíram 6,5% em relação ao trimestre imediatamente anterior, para R$ 4,016 bilhões.

A rentabilidade recorrente sobre patrimônio líquido, importante indicador sobre a lucratividade de um banco, ficou em 22,6% no trimestre, comparado com o índice 21,2% de um ano antes.

Os ativos totais da instituição somavam R$ 608,273 bilhões em dezembro, montante 4,7% inferior ao do final de dezembro de 2008, de R$ 638,108 bilhões.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Alberto Alerigi Jr.)
 
 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host