UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/03/2010 - 12h28

Agência prevê maior demanda por petróleo nos mercados emergentes em 2010

Por Ikuko Kurahone

LONDRES, 12 de março (Reuters) - A demanda mundial este ano será ligeiramente maior que o esperado anteriormente por conta do crescimento em países desenvolvidos, disse nesta sexta-feira a Agência Internacional de Energia (AIE).

A agência elevou as estimativas de demanda para 2009 e 2010 em 70 mil barris por dia (bpd), ante estimativa em fevereiro. Agora as projeções apontam para uma demanda mundial média de 86,57 milhões  de barris por dia este ano.

O crescimento da demanda será de 1,57 milhão de barris em 2010 comparado com o ano anterior, disse a agência conselheira de 28 economias industrializadas com sede em Paris, mantendo seu prognóstico do último mês.

"Nós revisamos números para 2009 e 2010 com base na forte demanda fora da OCDE", disse David Fyfe, diretor de indústria do petróleo e divisão de mercados da AIE, à Reuters. "A tendência de crescimento da demanda é muito similar a do último mês." A perspectiva da AIE continua a mais otimista ente as três principais projeções para o crescimento da demanda por petróleo este ano.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) espera uma expansão de 880 mil barris, enquanto o departamento de estimativa do governo dos EUA projeta um crescimento de 1,5 milhão de barris por dia.

"Nós ainda estamos vendo um forte crescimento dos mercados emergentes, especialmente na Ásia. No entanto, a demanda da OCDE ainda continua fraca", disse Fyfe.

A agência informou em seu relatório mensal sobre petróleo que a demanda chinesa pela commodity subiu 28% em janeiro contra o ano anterior.

A entidade também elevou a previsão da demanda chinesa por produtos derivados de petróleo em 130 mil barris por dia ante estimativa anterior, para 9 milhões de barris por dia este ano. Apenas para o primeiro trimestre, a projeção de crescimento foi revisada para cima em 510 mil barris por dia.

No entanto, as fortes projeções para de demanda da Ásia foram contrabalançadas por estimativas desanimadoras para a OCDE, aumentando as previsões para ofertas e estoques de petróleo, disse Harry Tchilinguirian, analista sênior do BNP Paribas.

A AIE informou que a demanda na Europa caiu 8 por cento em janeiro na comparação anual e a previsão para 2010 na região foi revisada para baixo em 150 mil barris por dia contra estimativa anterior.

A agência disse que a oferta de petróleo fora da Opep poderia aumentar 300 mil barris por dia, para uma média de 51,8 milhões de barris por dia em 2010 -um revisão para cima de 200 mil barris contra prognóstico do mês anterior.

Como resultado das previsões maiores para a demanda e  oferta fora da Opep, a AIE reduziu sua estimativa de demanda por petróleo do cartel em 100 mil barris por dia, para uma média de 29,3 milhões de barris por dia em 2010.

Os estoques de petróleo em países industrializados que são membros da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) subiram para 59,2 dias de demanda a mais no final de janeiro ante 58,3 dias no final de dezembro.
 
 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host