UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/03/2010 - 13h09

Executivo da GM vê chance de lucro e oferta de ações em 2010

DETROIT (Reuters) - A montadora norte-americana General Motors, que saiu da concordata no ano passado, tem "chance razoável" de ter lucro e poderá realizar uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) em 2010.

O vice-presidente financeiro da GM, Chris Liddell, falando a jornalistas pela primeira vez desde que ingressou na companhia, disse, contudo, que a fabricante de carros não tem pressa em fazer um IPO. Antes da GM, Liddell trabalhava na Microsoft.

"Vamos fazer a oferta de ações quando estivermos prontos", disse Liddell, que está na GM há cerca de dois meses.

A GM vinha planejando fazer um IPO em um prazo de 1 ano após deixar a concordata suportada pelo governo dos Estados Unidos, que agora detém mais de 60 por cento de participação na empresa.

Segundo Liddell, o "possível" IPO ocorreria no segundo semestre, mas a empresa não tem uma meta específica de prazo.

(Reportagem de Kevin Krolicki)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host