UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/03/2010 - 09h43

Japão diz EUA não deveriam punir China por causa do iuan

TÓQUIO (Reuters) - Um dos vice-ministros de Finanças do Japão disse nesta quinta-feira que a China deveria entender o apelo global para uma maior flexibilidade do iuan que ocorre enquanto os Estados Unidos mantêm pressão para Pequim deixar sua moeda se valorizar.

Mas Yoshihiko Noda, um dos dois vice-ministros de Finanças, do Japão, disse que seria "errado" Washington recorrer a sanções.

"Eu não sei se os Estados Unidos vão impor sanções, mas eu não acho que seria a maneira correta de lidar com isso", disse Noda, em entrevista coletiva.

"Basicamente, tal ação não é desejável. Mas eu quero que a China entenda que há expectativas de um iuan mais flexível, não apenas dos Estados Unidos", disse.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host