UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/04/2010 - 14h03

Índice europeu de ações atinge máxima em 18 meses; bancos sobem

LONDRES (Reuters) - O principal índice das bolsas de valores europeias alcançou o maior nível de fechamento em 18 meses em meio a poucos negócios nesta quinta-feira, puxado pelas ações financeiras.

Dados econômicos da Ásia, Europa e Estados Unidos também impulsionaram o otimismo sobre a retomada econômica.

O FTSEurofirst 300, índice das principais ações da Europa, encerrou em alta de 1,2 por cento, para um fechamento preliminar em 1.091 pontos. É o nível mais alto de fechamento desde o final de setembro de 2008.

O índice ganhou 7,1 por cento em março e 3,1 por cento no primeiro trimestre. Desde a sua mínima recorde em março de 2009, o índice avançou mais de 69 por cento.

Os bancos estavam entre os que mais ganharam, com o índice bancário STOXX Europe 600 subindo 1,9 por cento. Os papéis do HSBC, Lloyds, Royal Bank of Scotland, BNP Paribas, Société Générale e UBS se valorizaram de 1,1 a 3,6 por cento.

"O forte dado do ISM (sobre o setor manufatureiro dos EUA) está impulsionando a confiança e, no curto prazo, isso é um fator que apoia os mercados de ações", disse Tammo Greetfeld, estrategista de ações do UniCredit.

"Porém, se nós olharmos em um horizonte de três a seis meses, os indicadores de confiança econômica devem chegar aos picos e, nesse ambiente, eu espero que a proporção recompensa-risco para os investimentos em ações deteriore", acrescentou.

O setor manufatureiro dos Estados Unidos cresceu em março no maior ritmo em mais de cinco anos, a atividade manufatureira na zona do euro cresceu na maior taxa em mais de três anos no mês passado e o setor manufatureiro chinês acelerou no mês com a escalada das encomendas.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 1,15 por cento, a 5.744 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,33 por cento, para 6.235 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,52 por cento, para 4.034 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,57 por cento, para 23.206 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 avançou 1,81 por cento, para 11.067 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em alta de 1,02 por cento, para 8.185 pontos.

(Reportagem de Atul Prakash)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host