UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/04/2010 - 09h21

Atacado desacelera alta e alivia IGP-10 em abril

SÃO PAULO, 15 de abril (Reuters) - A inflação pelo Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) desacelerou fortemente em abril, devido a um alívio dos custos no atacado.

O indicador subiu 0,63 por cento em abril, após alta de 1,10 por cento em março, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) nesta quinta-feira. Foi a menor taxa desde janeiro.

Entre os componentes do IGP-10, o Índice de Preços por Atacado (IPA) aumentou 0,51 por cento em abril, ante avanço de 1,34 por cento em março.

O IPA agrícola perdeu força significativamente, subindo 1,12 por cento neste mês, ante 2,79 por cento no anterior. O IPA industrial teve variação positiva de 0,32 por cento, contra 0,89 por cento antes.

As principais quedas individuais de preços no atacado foram de soja em grão, farelo de soja, laranja, açúcar cristal e arroz em casca.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,80 por cento neste mês, contra 0,78 por cento em março.

Enquanto os preços de Alimentação aceleraram fortemente a alta --para 2,58 por cento em abril ante 1,68 por cento no mês passado--, os de Transportes caíram, em 0,56 por cento, depois de registrarem alta de 1,18 por cento em março.

As maiores altas individuais de preços no varejo foram de tomate, leite longa vida, batata inglesa, pimentão e cebola, e as principais quedas foram de álcool combustível, manga, gasolina, laranja lima e maçã nacional.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) avançou 1,01 por cento em abril, após alta de 0,33 por cento em março. A pressão veio do item mão de obra, com elevação de 1,39 por cento agora, contra 0,25 por cento antes.

No ano, o IGP-10 acumula alta de 3,04 por cento e nos últimos 12 meses, de 2,67 por cento.

O IGP-10 de abril mediu os preços de 11 de março a 10 de abril.

(Reportagem de Vanessa Stelzer)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host