UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

28/04/2010 - 13h26

Lucro da Shell no 1o trimestre sobe com preço do petróleo

Por Tom Bergin

LONDRES (Reuters) - A Royal Dutch Shell Plc deu continuidade à série de lucros melhores do que o esperado no primeiro trimestre das petrolíferas internacionais, devido aos preços mais altos do petróleo, e, no caso da Shell, também devido a um esperado retorno do crescimento de produção.

A Shell disse que o CCS --lucro que descarta ganhos relacionados ao aumento no valor do petróleo que a empresa tem em estoque-- subiu 49 por cento no primeiro trimestre, em relação ao mesmo período de 2009, para 4,90 bilhões de dólares.

Os preços mais altos do petróleo foram o principal condutor do ganho, mas reduções de custo e uma alta de 6 por cento na produção também ajudaram.

"Com a ajuda da alta do preço do petróleo, medidas de reestruturação ganharam força, os custos estão sendo reduzidos, enquanto a produção na Rússia e no Brasil está sendo elevada", disse Keith Bowman, analista da Hargreaves Lansdown Stockbrokers.

A BP Plc, que com a Shell disputa o título de maior petrolífera da Europa por capitalização de mercado, divulgou na terça-feira um salto de 135 por cento no lucro líquido, com base CCS.

Na sexta-feira, a italiana Eni divulgou uma alta de 3,6 por cento no lucro líquido excluindo os efeitos dos estoques e itens não-operacionais.

Ambos os resultados foram melhores do que as estimativas.

Após sete anos de desaceleração do crescimento, a Shell disse que a produção de óleo e gás subiu 6 por cento no trimestre em relação ao mesmo período de 2009, para 3,59 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

Analistas estimavam que a produção ficaria estável, em linha com as projeções da empresa para o ano.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host