UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

28/04/2010 - 19h11

Wall Street fecha em alta após comunicado do Fed

Por Edward Krudy

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores dos Estados Unidos encerraram em alta nesta quarta-feira, depois que o Federal Reserve apontou sinais de força na economia em comentários que deram algum alívio a investidores, ainda preocupados com a possibilidade de defaults na Europa.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 0,48 por cento, para 11.045 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq teve oscilação positiva de 0,01 por cento, a 2.471 pontos. O Standard & Poor's 500 ganhou 0,65 por cento, para 1.191 pontos.

Os comentários do Fed sobre a economia em comunicado no qual afirmou que manterá as taxas de juros baixas por um período prolongado levantaram as ações de bancos. Os papéis do JPMorgan Chase subiram 2,5 por cento, enquanto o índice de bancos BKW avançou 1,4 por cento.

Os investidores também buscaram ações que recuaram em meio à queda do mercado na terça-feira, após a S&P reduzir as notas de dívida soberana de Grécia e Portugal.

Preocupações com a saúde fiscal de algumas nações da zona do euro vêm pesando sobre os mercados globais há meses. Alguns investidores afirmaram que o Fed tinha a turbulência na Europa em mente quando escreveu o comunicado de política monetária.

"O fato de o Fed manter o juro baixo será um alívio para as ações...", disse Subodh Kumar, estrategista-chefe de investimento da Subodh Kumar & Associates, em Toronto.

"Os rebaixamentos na Europa provavelmente estão tendo um impacto no modo como o Fed está pensando", acrescentou.

O Comitê de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve afirmou em comunicado após uma reunião de dois dias: "a atividade econômica continua a se fortalecer... o mercado de trabalho está començando a melhorar".

As ações de energia e do setor financeiro estiveram entre as de melhor desempenho. Os papéis da Exxon Mobil subiram 1,4 por cento e, junto com os de JPMorgan, responderam pela maior influência positiva no Dow Jones.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host