UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

29/04/2010 - 09h40

Lucro da Cielo cresce 32,1% no 1o trimestre

SÃO PAULO, 29 de abril (Reuters) - A Cielo, maior rede adquirente de cartões de crédito e de débito do Brasil, anunciou nesta quinta-feira que teve lucro líquido de 440,2 milhões de reais no primeiro trimestre, uma alta de 32,1 por cento sobre os 333,2 milhões de reais de um ano antes.

Entre janeiro e março, a geração de caixa da companhia, medida pelo Ebitda, somou 646,6 milhões de reais, um avanço de 25,3 por cento em doze meses. A margem Ebitda ficou recuou de 63,5 para 63,4 por cento.

Considerado o número ajustado, que exclui os ganhos com as operações de antecipação de recebíveis), o Ebitda cresceu 32,6 por cento em relação ao primeiro quarto de 2009, para 713,6 milhões de reais, enquanto a margem ajustada foi de 66,2 para 70 por cento.

A receita líquida, excluindo a financeira evoluiu 20,45 por cento, somando 953,1 milhões de reais. Considerado os números de antecipação de recebíveis, a receita foi de 1,020 bilhão de reais, número 25,4 por cento maior em doze meses.

A companhia, cuja participação do Santander Brasil em seu capital social foi vendida para Bradesco e Banco do Brasil, afirmou que os resultados do período foram motivados pela recuperação da economia doméstica, incluindo as operações de crédito.

Com isso, o volume financeiro de transações com cartões de crédito e de débito por meio dos terminais da Cielo, totalizou 58,8 bilhões de reais de janeiro a março, um acréscimo de 23,2 por cento sobre os 47,7 bilhões de reais no mesmo período em 2009.

(Reportagem de Aluísio Alves)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host